sexta-feira, novembro 19

"És um anão, és um cab..., és como o Simão"

Há quem diga que será este o cantigo que os adeptos leoninos vão brindar o regresso de João Moutinho a Alvalade.
Eu acho que a melhor resposta a eventuas desconsiderações do jogador, seria apenas ignorar.
Moutinho na minha opinião já estava a mais em Alvalade. Não era o capitão que necessitávamos, andava a jogar metade daquilo que já lhe tinhamos visto, não era convocado para a selecção, etc....adivinhava-se então um arrastar de uma situação que não beneficiava ninguém.
A venda era a situação mais vantajosa para todas as partes.
11 milhões de euros, mais uma percentagem numa futura venda, mais metade do NAC mais um perdão numa eventual dívida no negócio Postiga foi para mim um bom negócio ( nada que ver com o negócio Veloso, que já andava a jogar muito mais que Moutinho e rendeu muito menos).Meireles rendeu pouco mais ao Porto e tinha bastante mais visão internacional.

O único problema neste negócio é que o clube comprador foi o F.C.P. E então aí confesso que o choque foi geral. Ninguém está habituado a este tipo de negócios.
E então agora há por aí quem só veja qualidades no Moutinho. Mais disso falarei mais tarde.
Para concluir, Moutinho já cá não está. Como não estão Veloso, Varela, Carlos Martins,Quaresma Ronaldo, Nani ou Simão.
Adianta alguma coisa agora olhar para trás e ver o que já lá foi, em vez de por exemplo olhar para o que hoje temos e poderemos ter no futuro.Rui Patricio, Carriço, André Santos e futuramente muitos outros que muito provavalmente serão tão bons como os que já foram embora.
E de uma coisa tenho certeza, se renderem($)pelo menos o mesmo que Moutinho rendeu. Já não estamos nada mal. Varela, C.Martins, Quaresma, Simão e Viana renderam menos ou praticamente o mesmo.....



16 comentários:

Anónimo disse...

Para mim, vai ser de "filho-da-puta" para cima!

Ricardo disse...

Tudo certo e até concordo ccontigo em muita coisa mas então a pergunta impõe-se:

E se o Moutinho tivesse ido para o Benfica, dizias o mesmo que disseste neste post?

jvl disse...

E porque é que não foi convocado para a Selecção? Não me digas que acreditas na justificação ridícula, dada pelo Agostinho Oliveira.

O negócio foi péssimo porque:

- vendemos um dos melhores jogadores do plantel e bandeira da formação a um rival directo;

- reforçámos o fcp que tinha como solução para o lugar Ruben Micael, jogador inferior ao Moutinho;

- a verba vai ser-nos paga em prestações bastante faseadas;

- a não convocatória para o Mundial visou desvalorizar o jogador

- se realmente desrespeitou o Clube e o presidente, era colocado a treinar à parte para servir como exemplo

- irá permitir ao fcp voltar a realizar uma grande transferência, isto para além do rendimento desportivo

Foi péssimo, não tenho qualquer dúvida. E termos a dívida perdoada do Postiga só demonstra a merda de negócios que fazemos.

Moutinho não é um fora de série mas a sua qualidade, intensidade e entrega era bastante importante no SCP assim como é agora no fcp. Os três erros que vejo em relação ao Moutinho foi não lhe ter sido retirada a braçadeira de capitão após as declarações de querer sair para o Everton, ter sido colocado em todo o lugar de meio-campo e a marcar os lances de bola parada.

jvl disse...

Ricardo,

Isto é um post sobre o SCP e o fcp. Porque é que se tem que falar no slb?

Iniesta de Mundet disse...

João

Para além daquilo que disse o JVL, não posso concordar quando dizes que o Simão e o Hugo Viana renderam praticamente o mesmo ($) que Moutinho. O Simão foi vendido em 1999 (aos 19 anos) por 15 milhões (segundo a wikipedia), ora aplicando a taxa de inflação dos ultimos anos, o valor actual valor seria superior a 19 Milhões.

O Hugo Viana foi vendido em 2002 (aos 19 anos) por 12,5 Milhões. Aplicando a taxa de inflação, dos anos seguintes equivale, a cerca de 14,5 Milhões.

Tanto um como o outro eram ainda promessas (tal como Nani e C.Ronaldo que foram vendidos por 17 e 25 M), enquanto que o Moutinho é uma certeza e ainda jovem. Sem contar que nenhum desses jogadores foi vendido para um rival directo.

jvl
Se o JEB e o Vilas Boas o fazem (falar do Benfica sem que lhes perguntem), porque é que o Ricardo não pode fazer o mesmo? :)

J. disse...

Respondo aos pontos do JVL:
- Moutinho nestas duas ultimas épocas era um jogador com um rendimento decrescente.E não quero cá meninos a servir de Bandeira da formação, quando dps querem ir para o Everton ou para o Porto.
- O Moutinho foi para o lugar do Meirelles que pouco mais rendeu ao Porto. Reforcamos o Porto,sim, mas não será pelo Moutinho que o Porto anda a jogar como anda. Terá a sua colaboração, mas repito, aqueles dois da frente fazem toda a diferença:
- o certo é que não foi convocado para o Mundial e com isso tinhamos um jogador desvalorizado no plantel;
- tudo isso é mto giro. Mas por um menino que ganha 120 mil por mes a treinar á parte é um luxo que este Sporting nao pode permitir.
- Se for vendido por uns 20 milhões ainda lucramos uns milhões e temos uma muito maior mais valia com o jogador, do que o FCP

jvl disse...

Iniesta,

A questão é que quando se mete o slb ao barulho é porque não se pode passar sem vocês, quando não se fala, vocês fazem por se falar. E sobre o post, concretamente, que disse o Ricardo? Nada.

J,

- E porque é que o rendimento era decrescente? Responsabilidade do treinador. A vontade de sair para o Everton tinha a ver com assuntos extra-futebol, como sabes. Daí achar que a retirada da braçadeira serviria como punição.

- Não é só pelo Moutinho mas ajuda e muito. Além disso a idade do Meireles é superior à do Moutinho o que pode explicar a semelhança nos valores.

- E como não foi convocado para o Mundial, toca de vender pela primeira proposta que apareceu. Deve ter sido isso que o JEB pensou, realmente.

- É tudo muito giro e teria sido assim que deveria ter sido tratado o caso. Está preocupado com 120 mil/mês? Eu estou preocupado é com 6.5 MILHÕES € para não jogar e ser emprestado ao Saragoça. Se nos podemos dar a esse luxo, também podemos encostar o capitão para servir de exemplo.

- Se fosse vendido por 20 milhões de € estando no SCP, o encaixe seria ainda superior. Só que para isso era preciso jogarmos algum futebol. E para isso é preciso um treinador competente e uma estrtura que perceba algo de futebol.
Ainda assim, só iremos receber uma % no valor que for mais-valia para o fcp. Se o fcp o vender por 20 milhões, o SCP só terá percentagem sobre os 9 mihões (mais-valia). Se assim for, e digamos que a % é 20%, o SCP receberia 1,8 milhões. A juntar aos 11, daria 12,8; o fcp encaixava 18,2 milhões. Onde é que o SCP lucrava mais que o fcp?

jvl disse...

*Está -> Estás
*estrtura -> estrutura
*mihões -> milhões

J. disse...

Se nos lucramos 12,8 o Porto lucraria a diferença 20 milhões menos 12.8 Euros.
Logo a diferença de mais valias é bastante assinalável.

Anónimo disse...

Caguemos no Moutinho e naqueles que, já não estando no Sporting, o desrespeitaram depois de terem saído (casos do Simão e do Quaresma, por exemplo...). Concordo com a ideia de que, mais importante do que isso, é apoiarmos e contribuirmos para o bem-estar psicológico de jogadores nossos, como o Rui Patrício, o Carriço, o Postiga, e outros, em vez de passarmos a vida a dizer que não valem nada, que são lixo e que deviam ser despachados...

jmmb disse...

O Rendimento do Moutinho decresceu neste últimos dois anos, tal como o rendimento de toda a equipa.
Dentro do campo sempre o vi dar o máximo, ao contrário de muitos que são adorados por alguns sportinguistas.
Bem ou mal vendido Moutinho é passado. Acho triste que as pessoas tenham mais vontade em denegrir un ex jogador do que em apoiar os jogadores da actual équipa.

Peyroteo disse...

Que cântico maravilhoso! :)

LMGM disse...

Não dá para adaptar o cântico ao Hulk?

"És verde, és um vilão, és como o Banner"

low desert puke disse...

Entre as coisas que nao percebo, uma delas é a insistencia do J. em nao perceber que a nao chamada de Moutinho nos ultimos tempos de Queiroz foi ”programada" para: 1-fazer baixar o preço do jogador; 2- causar em Moutinho um desespero tal, (e na direcçao do sporting), de modo a obrigà-lo a sair à primeira proposta. E, pasme-se, quem é que jà estava ali atràs da porta com o cheque assinado e tudo? pinto da costa...

Outra coisa que nao percebo é a comparaçao de preços entre jogadores diferentes e de épocas diferentes. Qual seria o sentido de comparar o preço de Ronaldo ao Manchester e Bruno Alves ao Zenit? Nenhum. Pois...

LionHeart (o autêntico) disse...

Claro que foi uma péssima venda, mas o que é mais incrível é a intoxicação que se fez da opinião pública e que faz com que os factos relacionado com a venda tenham sido de tal forma distorcidos, que resvalam para a ignorância. É a história da mentira contada tantas vezes que se transforma verdade.

Senão vejamos:

1) Não foram 11 Milhões mais metade do passe de NAC. Foram 11 Milhoes AOS QUAIS FOI DESCONTADO metade do passe de NAC, ou seja 10 Milhões, pagos a 5 anos;

2) Não é uma percentagem da futura venda, mas sim uma percentagem da MAIS VALIA da futura venda, o que é muito menos para quem conseguir perceber a diferença (o jvl consegue mas o J. não alcança);

3) O perdão da dívida de Postiga valia apenas 325 mil euros à data do negócio de Moutinho. O resto já estava pago porque quando o FCP vende jogadores ao Sporting exige pagamentos rápidos, ao contrário deste;

Isto foi explicado de forma exaustiva pelos poucos que, na altura do negócio, tiveram a lucidez de não embarcar na intoxicação de JEB, mas ainda há pessoas como o J. que não perceberam.

jvl disse...

"Se nos lucramos 12,8 o Porto lucraria a diferença 20 milhões menos 12.8 Euros.
Logo a diferença de mais valias é bastante assinalável."

Sendo assim teríamos que contabilizar os ordenados auferidos durante todo a carreira em ambos os clubes. Falamos de uma diferença de 5 milhões, neste exemplo, que pode ser menor com outras verbas. Ainda assim, fraco consolo. O próximo passo sendo assim, será vender jogadores formados na Academia aos nossos rivais. Que tal?

Eu preferia que ele fosse campeão no SCP a receber mais dinheiro em vendas por ele que o fcp.
Afinal de contas somos um clube desportivo.