quinta-feira, maio 6

E no meio desta confusão toda, existe o Sporting?

Quero lá saber de discussões entre os do Norte e dos para sempre segundos da Segunda Circular, por que entretanto:
- perdemos com a Naval em casa e já ninguém se chateia e até somos brindados com um "Era dificil fazer melhor";
- vemos interesses em dispensados do Benfica ( Moreira, D.Souza) e há malta que que ainda vê com bons olhos estas contratações;
- Izmailov volta a faltar a um treino e já nem é noticia de destaque;
- fazemos uma (merecida) homenagem a Iordanov e apenas aparecem 16.000 em Alvalade;

Com tudo isto, é caso para perguntar, que rumo anda a seguir este Sporting? creio que a preocupação entre os sportinguistas será geral.

Mas será caso para pânicos ou preocupações precoces?
Este ano não foi nada bom para nós.É um facto. E temos tudo para acreditar que o próximo ano será melhor(fazer pior será dificil). Agora, a segunda pergunta que nos deveriamos fazer é: até quanto podemos melhorar para aspirar a ganhar qualquer coisas no próximo ano?
Tomemos paralelismos e situações semelhantes do passado.
Há coisa de um ano havia um clube que não ia á Champions, tinha um plantel desvalorizado, estava com um treinador demissionário e poucas eram as esperanças em que as coisas iriam mudar num futuro próximo.Este ano vão ser campeões e já tem jogadores que valem mais que o Ribery e o Piqué.
O que mudou? um treinador de sucesso e três reforços milionários que mudaram totalmente a cara deste Benfica.
Com isto não quero dizer, que temos agora que copiar a fórmula dos outros.
Apenas quero acreditar que há coisas no futebol que podem ser mais simples do que parecem.
Mudar um treinador e 3 contratações foram a diferença entre o sucesso e insucesso.
Pode ser que em Alvalade se tenha o discernimento de encontrar esta fórmula também.A fórmula do sucesso.
Eu quero acreditar que sim, caso contrário, entraria num pessimismo e deita abaixo antes mesmo de as pessoas começarem a a trabalhar.
O que não seria justo claro!!!

23 comentários:

Pedro disse...

"Mudar um treinador e 3 contratações foram a diferença entre o sucesso e insucesso."

Sem dúvida que tiveram uma enorme importância mas não se pode analisar assim de forma tão redutora pois essas 3 contratações encontraram já uma equipa muito forte. Depois, claro, o papel fundamental do treinador. David Luiz, Di Maria, Aimar, Cardozo, Luisão, Martins, Coentrão, Amorim, Maxi...já estavam todos lá!

Iniesta de Mundet disse...

João, é sempre bom ver o sportinguista que faça do Sporting a sua prioridade. Também é de elogiar que não percas o teu sentido de humor: "Quero lá saber de discussões entre os do Norte e dos para sempre SEGUNDOS da Segunda Circular". Molt bé!

Abraço!

P.S. No caso do Benfica a principal alteração foi mesmo o treinador.

J. disse...

Para mim hão se de ser sempre os segundos.

Pedro, eu também acho que lá temos base para uma grande equipa
Moutinho, Veloso, Carriço, Pedro Mendes, Liedson, Matias Fernandez, João Pereira e ia a dizer Izmailov, mas já nem sei!!!

O desafio passa agora por encontrar essa fórmula que parece tão simples, mas que ás vezes se torna complicada.

Anónimo disse...

e os 16000 a cantarem "só queremos o Domingos(até parece que se esqueceram quem era e é esse cabrão) campeão"...

Para além de treinadores, jogadores e tudo mais falta o mais importante, ambição e postura de quem é e quer continuar a ser um grande clube.

Os Sportinguistas querem ser o quê? Um clube que aponta para a vitória, ou uma pedra no sapato do Benfica?

Acordem!!

Jorge Borges disse...

Se juntares à 1ª parte do post os festejos dos golos do Porto, e ontem o "nós só queremos o Domingos campeão"... De facto fico com dúvidas acerca das prioridades do Sporting.
Não me venham com a treta que lá fora é assim, que é normal querer que o rival perca, etc etc. É normal querer que o rival perca, daí à manifestações que foram feitas é uma distância grande. Não é por ser o Sporting, critico isso em todo o lado. Se ao menos a derrota do Benfica servisse algum interesse do Sporting.


Sobre os dispensados do Benfica: Diego Souza, foi dispensado do Benfica, não pela falta de qualidades futebolísticas, tanto mais que no Brasil é um jogador importante.
O Moreira? não me parece muito pior que o Patrício, a questão é saber se valerá a pena pagar ordenados tão altos por um jogador assim. Não acredito que fosse uma mais valia para o Sporting.

De facto, do ano passado para este ano, a principal diferença no Benfica centra-se no treinador, se bem que com jogadores como Saviola, Ramires ou Javi, as coisas ficam bem mais fáceis. Eu não acreditava ser possível esta transfiguração, e era até muito céptico relativamente ao Jesus. pelos vistos estava errado. Ainda bem.

kovacevic disse...

Jorge Borges,

A pergunta emocional:

preferes o FC Porto campeão ou o Sporting campeão?

preferes o Braga campeão ou o FC Porto (ou Sporting) campeão?

A pergunta racional:

Considerando que Benfica e Sporting competem na mesma liga, e que um Benfica forte torna mais difícil um Sporting campeão, e considerando ainda que um título nacional fortalece qualquer clube, além de valorizar jogadores, o que potencia as receitas, perpetuando ciclos virtuosos, não te parece óbvio que do ponto de vista estratégico é melhor para o FC Porto e para o Sporting que o campeão seja o Braga?

J. disse...

Pois já ouvi bastante pior de um adepto da Roma, Inter ou do Barcelona.
Lá fora é mesmo assim, ou até pior.

O Sporting vive para os seus próprios titulos, mas quando não os consegue lixa mais ver o que para nós é o eterno rival a ganhar.
Insistem no papel de "ofendidos" quando acontecem essas coisas. Ainda nao percebi porquê.
Enfim...

O post fala do Sporting e do caminho que deveria seguir para seguir o sucesso. Fala também do Benfica, mas só a a titulo de exemplo.
E não sei pq aparecem vcs com esta conversa.

Anónimo disse...

FIL

A fórmula treinador, mais 3 jogadores de qualidade é copiada com sucesso há anos e por dezenas de clubes, quando podem. As fórmulas de sucesso já não são inventadas por ninguém, é preciso é ter capital para investir e acertar nas contratações, o que não é de todo fácil (veja-se o Manchester City, por exemplo).

Julgo qua subsiste uma base de qualidade no Sporting, sem dúvida, mas será preciso mantê-la e adicionar-lhe os jogadores certos, nas posições certas. Depois faltará homens certos para os comandar. O Sporting é muito grande e a força não desapareceu (consatei-a em Madrid), foi só dispersada por sucessivos tiros nos pés e uma época do piorzinho que já vi.

Continuo a duvidar deste Presidente e do treinador escolhidos mas tomara me aconteça como a muitos benfiquistas que legitimamente duvidaram das mesmas personagens e que entre insucessos e desilusões, pelo menos este ano, inverteram a tendência. Tomara...

Anónimo disse...

FIL

Bravo Kova, é tão simples. Já cansa um bocadinho ver tanta hipocrisia em relação aos festejos dos golos de outros. Eu já disse que não o faria mas é uma coisa que acontece e tão transversal a todos os clubes que incomoda ouvir tanta virgem sem espelho em casa.

Anónimo disse...

"E não sei pq aparecem vcs com esta conversa"...

Porque esse é um dos factores que prejudica o Sporting.

Uma homenagem a um símbolo, e aproveitam para homenagear também o Domingos? WTF?

O Sporting tem nesta altura um problema de identidade, como se não bastasse quando se toca na ferida ninguém tem "tomates" para o assumir.

J. disse...

Oxalá fosse esse o nosso problema, infelizmente creio que é mais um consolo de perdedor.

Jorge Borges disse...

FIL:
em 1º lugar, agradeço-te que não me chames hipócrita.
É a minha opinião, permites-me tê-la?
Se leste bem o comentário que fiz, refiro-me a todos e não ao Sporting em particular. pelos vistos se há aqui ofendidos são os do Sporting por, muito provavelmente o Benfica se tornar campeão.

Kovacevic:
Uma coisa é aquilo que pretendemos, como um mal menor. Outra é entoar cânticos no nosso estádio.
Como é que vai ser quando defrontarem o Domingos na próxima temporada. E se um dia ele for treinar o Benfica?
Toda a gente sabe que adeptos de Porto e Sporting preferem a vitória do Braga. É normal, mas parece-me absurdo e ridículo até que, por exemplo, no momento em que o Sporting sofreu um golo em casa, houvesse uma explosão de alegria porque um dos rivais marcou um golo a outro. Como me parece despropositado ovacionarem o Domingos e entoarem cânticos.

Este ano calhou ao Sporting, noutros calhou ao Benfica, e há-de calhar também ao Porto. Se bem que nos últimos anos não me lembre de tamanhas mainf contra o Porto, mas deve ser um lapso de memória meu.

Agora, só porque isso é "normal", não me impede de discordar.

Quanto às tuas questões, acho que te irias surpreender com as minhas respostas.
Eu não odeio assim tanto o Sporting. Acredita que é verdade.

J. peço desculpa por ter desviado as atenções do tema do post. Não foi a minha intenção.

jvl disse...

"Uma homenagem a um símbolo, e aproveitam para homenagear também o Domingos? WTF?"

Mentira. Não apoio estas demonstrações mas o que se cantou não foi para homenagear o Domingos. O único homenageado da noite foi, justamente, o Iordanov.

"Já cansa um bocadinho ver tanta hipocrisia em relação aos festejos dos golos de outros."

Completamente de acordo com o que o FIL diz e com o comentário do Kova.

Peyroteo disse...

Pois eu acho 16 mil pessoas um número incrivelmente alto...
Quanto ao post, o Sporting não precisa de contratar uma dúzia de jogadores (ainda que isso seja sempre interessante para um adepto. O defeso é a melhor parte da época desportiva). Precisa sim de 5 ou 6 jogadores de qualidade para posições em que a equipa é deficitária: lateral esquerdo, central, 2 extremos e 2 avançados. E também dispensar jogadores que não podem jogar no Sporting: Ricardo Batista, Abel, Pedro Silva, Grimi e Adrien.
Quanto aos nomes que falaste de reforços, Diego Souza é bom, Moreira é muito mau (sempre foi aliás)

Pedro disse...

Kova, o q tu dizes não tem nada a ver com a questão pq NUNCA ouvi os benfiquistas a incentivarem outro clube q não fosse o Glorioso. NUNCA. Claro que preferi q fosse o Boavista campeão do q azuis ou verdes mas NUNCA cantei pelo Pacheco ou festejei os golos do Boavista num jogo do Benfica.

A diferença entre as situações é enorme... mas continuem a acreditar q é igual a em todo o lado.

Anónimo disse...

FIL

Jorge, ninguem te chamou hipócrita nem percebo o porquê de reclamares tal carapuça. Já disse várias vezes que eu não faria o mesmo e pelos vistos estamos 100% de acordo nessa questão. Quem o faz que faça mas é uma questão de postura, é transversal a todos os clubes do mundo e não me choca por aí além.

A única coisa que me fez reflectir no teu comentário foi o facto de teres "dúvidas acerca das prioridades do Sporting", o que subentende algo de surrealista que só tu saberás explicar. Eu que sou sportinguista felizmente não tenho dúvidas quanto às prioridades do Sporting, que é o que interessa.

Nota: Assustador é ver insinuações do género "nós no Benfica não fazemos isso"...sinceramente não tenho nome para isso - julgo que a palavra hipocrisia não lhe faria justiça

J. disse...

Pois não, não me lembro eu do que tive que ouvir da ultima vez que o Sporting foi campeão.

Anónimo disse...

FIL

E respondendo ao titulo do post opinando de forma clara:

Sim, existe Sporting, é um sentimento e clube enormes. O desejo de todos os sportinguistas é aliás condizente com a grandeza a que a maior potência desportiva do país e 2.ª mundial nos habituou: Vencer com honra todas as provas onde participamos, em todas as competições onde a palavra desporto apareça como denominador comum. É esta a prioridade do Sporting e da imensa massa de adeptos que se espalham por todos os continentes e qualquer prioridade diferente é puro fait-divers e conversa para entreter com caracóis e uma Mini.

@leo@ disse...

"Kova, o q tu dizes não tem nada a ver com a questão pq NUNCA ouvi os benfiquistas a incentivarem outro clube q não fosse o Glorioso. NUNCA."

Os adeptos do slb choram quando o Sporting perde....

@leo@ disse...

Em relação ao post,

O trabalho do treinador vai ser muito importante na próxima época, é preciso acabar com vícios que estão muito vincados nesta equipa.
Se por um lado acho que a equipa actual precisava de um grande remodelação (devido ao maus vícios) por outro concordo também que o sporting tem um bom conjunto mas que só se tornará uma boa equipa se fizer um reset aquelas cabeças e para isso o novo treinado será muito importante, como foi JJ no SLB deste ano.

Pedro disse...

"Os adeptos do slb choram quando o Sporting perde...."

Mais uma vez: não é isso q está em causa. É claro q gostamos q o fcp e o scp percam. Ninguem negou isso. Agora a coisa morre aí, ninguem anda a cantar e a saltar pelas vossas derrotas ou golos sofridos. E NUNCA um golo sofrido ou derrota vossa serviu de consolo a qqr resultado negativo dos benfiquistas. Nunca no Estádio da Luz se festejou um golo que vocês tenham sofrido connosco a perder...

Leão de Alvalade disse...

J:
Claro que existe o Sporting, não tenho qualquer dúvida disso. E o clube não é apenas o momento que vive, seja ele de euforia ou de depressão.

É no entanto indiscutível para mim que existem desafios que não podem ser perdidos para que o clube seja mais conforme com a sua grandeza.

Para isso não me parece que existam fórmulas mágicas, mas sim muito e bom trabalho. Porque o resultado deste ano é o produto de uma época mal planeada e mal dirigida. Isso também me parece indiscutível.

Falas da fórmula mágica do SLB e esqueces a magia do SCB que, pela diferença de meios e de massa critica (adeptos, peso institucional, etc...) é mais que magia, antes um autêntico milagre. Mas ambos partilham méritos: o papel dos treinadores foi crucial no aproveitamento e recuperação de jogadores rejeitados ou depreciados, juntamente com a existência de uma estrutura forte e determinada. O apoio dos adeptos surgiu com naturalidade.

@leo@ disse...

"e esqueces a magia do SCB"

E quem esta a fazer essa magia em Braga era considerado um aldrabão por muitos sportinguista.