segunda-feira, maio 5

Benfica: curtas.

1. Ambiente de grande festa na Luz, apesar do empate cedido. Não dá para exigir mais aos bravos jogadores do Benfica. Na Quarta-Feira há um jogo importante, contra o Rio Ave, na primeira de três finais que ainda faltam disputar.

2. Na ressaca de Turim, temos o clube unido como nunca. Jogadores, técnicos, dirigentes e adeptos. Falta resolver o problema "Markovic" pois o sérvio tem de poder jogar a Final conquistada e para a qual tanto contribuiu.

3. Jesus operou um verdadeiro milagre e é dele boa parte do sucesso alcançado. Confesso que, quando vi Oblak a titular no jogo de Quinta-Feira, fiquei surpreendido. Jesus mudou, e simbolicamente, a titularidade do puto é a prova disso mesmo. Mas fica para mais tarde a devida análise a Jesus (e à Direcção, também).

4. Todos os benfiquistas querem as três taças. As caseiras são mesmo uma quase-obrigação. Contudo, do outro lado, vai estar uma equipa muito focada e bem mais descansada (e com menos pressão). Será preciso um bom Benfica, com algumas segundas linhas ao nível a que nos habituaram ao longo da época.

5. O jogo contra o Sevilha será mais uma enorme festa mas, de longe, o jogo mais complicado que teremos pela frente. O clube espanhol tem quase 110 anos de vida e duas Taças UEFA (em outras tantas finais disputadas). Para chegar à final eliminou o Maribor, o Bétis, o FCP e, finalmente, o Valência.

O Benfica terá, nesta final, a oportunidade de vencer mais um troféu europeu, depois de eliminar o PAOK, o milionário Tottenham, o AZ e a poderosa Juventus, tri-campeã italiana. Foi difícil chegar até aqui mas, em caso de vitória, será uma conquista à medida da história do clube.

6 comentários:

Jorge Borges disse...

Uma coisa de cada vez.
Para já pensar só na Taça da Liga. Só depois deste jogo, que não pode nem deve e acredito que não vai ser encarado com menor rigor.
Depois disso, então pode-se pensar a Liga Europa.
Até porque há que manter os níveis de confiança no máximo.
Uma derrota frente ao Rio Ave pode fazer voltar a pairar fantasmas do passado...
Atenção que o Rio Ave tem uma equipa muito bem organizada.

Pedro disse...

1- Festa. Alegria. Benfica. Até o Sol brilha quando tudo está no devido sítio.

2- Não tenho grandes esperanças na despenalização de Marko mas que o sérvio dava um jeitão lá isso dava.

3- Tb irei falar de JJ e das mudanças. Acho que mudou alguma coisa mas não mudou assim tanto como se fala. Falaremos disso no futuro.

4- Internamente este ano tem que ser para ganhar tudo. Depois da forma épica com que atingimos as finais temos que respeitar o Rio Ave e lutar com todas as forças para vencer.

5- A Liga Europa é um sonho. Sevilha não é um Chelsea mas não podemos claudicar um segundo. Acredito que a concentração será máxima e o empenho e desejo dos jogadores estará nos níveis máximos.

Ver o SLB conquistar um titulo europeu é um sonho. Em vida já vi o Benfica em 4 finais, esta será a quinta. Espero que à quinta seja de vez.

Peyroteo disse...

Confio em Bela Guttman! :)

Luís Fiúza disse...

O único jogo que interessa é o de amanhã.
É preciso trabalhar, as camisolas não ganham jogos.
E não, perder a Taça da Liga não é um mal menor. Somos grandes porque temos fome de vitórias.
Depois de amanhã pensamos no resto.

luis disse...

Também penso assim, Fiúza. A Taça da Liga, a de amanhã em especial, significa muito.

Pedro disse...

É para ganhar tudo. E internamente é quase "obrigação".