quarta-feira, outubro 2

O Benfiquinha foi às compras em Paris.

Mais uma experiência doentia do Benfica na Europa, mais uma exibição paupérrima da melhor equipa dos últimos 30 anos.

Jesus continua a destruir o sonho dos benfiquistas e Vieira tem de sair abraçado a este incompetente. 

A equipa não tem personalidade, está um autêntico farrapo. Cinco anos depois, acho que o facto de se manterem nos seus lugares diz tudo sobre esta gente.

Mais uma vez, vergados. E vamos ver se o PSG decide começar a jogar à bola na segunda parte.

Miserável, humilhante e desastroso. E o pior é já este aparente desinteresse entre os benfiquistas. Terrível.

27 comentários:

Tasqueiro Emigrante disse...

Acho que o jesus devia ter ido agradecer ao treinador do PSG por terem andado a passear a bola a partir dos 30 minutos...se não fosse assim acredito que hoje era o último dia do Jesus á frente do Benfica...

Que vergonha para Portugal...e ainda gozavam ontem com o Porto!

Pedro disse...

Que interessa isto pá?
Pote 1 e ranking da uefa..incha!!! Abutre!!!

Temos que apoiar caralho, apoiar!!!!!

Tasqueiro Ultra-Copos disse...

saúdo o luis por ser um dos poucos, felizmente para mim, que já não vão nas cantigas dos mais melhores treinador e presidente do mundo enquanto os outros ainda vão sendo "comidos" de cebolada pelas lengas-lengas e auto-proclamações divinas desses indivídios. é como a política, continuem a apoiar os mesmos que a merda vai sempre cheirar mal...

Tasqueiro Ultra-Copos disse...

e o pior que tudo é que o resto da semana os aveques tugas vão ser gozados pelos aveques franceses. ouvir olés ainda antes do final da primeira parte é obra...

Jorge Borges disse...

Luis, nem mais.

Engraçado é os anormais de serviço não comentarem o desaire do clube deles e mandarem sempre postas de pescada quando se trata dos rivais.

Francis disse...

Tasqueiros, não vos vi a comentar os posts sobre o jogo do vosso clube, doeu-vos alguma coisa ?

Tasqueiro Ultra-Copos disse...

realmente devia ter comentado pois perdemos injustamente e com um golo em fora-de-jogo, roubo esse que quando é contra o Porto é uma coisa completamente normal para uns mas que se for a favor já vêm orelhudos pedir revoltas. podia estar a queixar-me mas ainda bem que não sofro de "palite" aguda como a maioria dos benfiquistas sofre e reconheço quando a equipa devia ter feito mais não enviando para os árbitros sempre as culpas de maus resultados. eu ontem ainda vi o Porto esmagar no inicio mas hoje o benfica esteve em campo? jogaram sequer? mais valia nem terem ido perdiam na mesma por 3-0 e poupavam-se aos olés. mas, de facto quem é que lá consegue jogar com um treinador todo o tempo aos berros? até mete nojo, se eu fosse a eles já lhe tinha dado uma laura nas trombas que só atrapalha...

Iniesta de Mundet disse...

4 palavras apenas: mi-se-rá-vel

LM disse...

Ia comentar mas entretanto perdi o interesse.

Mr. Shankly disse...

Não vi o jogo, mas vi com o Belenenses e não me espantou o resultado. Aliás, antes do jogo comentei que não me espantava que viessemos de lá com 4 ou 5. Não sabemos defender (com Jesus, nunca soubemos), não sabemos controlar a bola, e este ano nem atacar sabemos. Acresce uma apatia de todos os jogadores e uma aparente falta de pernas (estranha para este momento da época, em que as equipas de Jesus estão em alta rotação).

A sensação é que se está tudo a cagar. Admito perder tudo em 15 dias, com chouriços aos 92', até admito ser goleado ou não ganhar ao Belenenses. O que não admito é este desinteresse. O plantel é muito forte, mas está a render menos de 50% do que devia. Sempre defendi o Jesus, porque acho sinceramente que perdeu os dois últimos campeonatos por acaso. Mas o estado da equipa é lastimoso, e Jesus, como líder, é o responsável.

Pedro disse...

Não foi por acaso, Shankly, foi consequência.

Mr. Shankly disse...

Consequência de quê, Pedro? De o Porto ter sido competentíssimo o ano passado? De há dois anos termos levado com o Hugo Miguel em Coimbra e o Proença na Luz? De o Kelvin ter feito um golo impossível nos descontos? Eu não consigo culpar o Jesus por isto, sinceramente.

Pedro disse...

Consequência de um acumular de erros que resultaram em que um golo aos 92 minutos te tira um titulo ou que um roubo de Proença de tire outro.

Antes de Proença entrar em acção percebe o que se passou ao intervalo desse jogo. Antes do golo do kelvin percebe todo o jogo e o jogo anterior com o Estoril. Antes do Hugo Miguel percebe o que aconteceu em Guimarães. Etc etc etc.

São milhentos casos. Tivemos todas as condições para que os roubos dos Proenças não nos afectassem e por culpa própria deixámos de aproveitar. Depois, claro, levamos pancada da grossa. É consequência, obviamente que é consequência.

Mr. Shankly disse...

Todas as equipas têm jogos pouco conseguidos, Pedro. O multi-campeão Porto todos os anos faz maus jogos. Nestes dois últimos anos a decisão foi por detalhes, podia ter caído para qualquer um dos lados (não querendo entrar em conspirações).

A discussão é sempre a mesma, se ganhas és o maior, se perdes és uma nódoa. Se o Kelvin não tem marcado o chouriço, o Jesus era o maior. Como não marcou, é uma besta. Não embarco nessa de 8 ou 80, dificilmente se podem tomar boas decisões assim. Quando ganhas não fizeste tudo bem, e quando perdes não fizeste tudo mal.

luis disse...

Shankly, não discordando de ti, até porque costumas ser sempre extremamente sensato nestes momentos, penso que JJ já não tem condições para continuar. As derrotas, o mau futebol, os equívocos são demasiados, apesar de tudo o que de positivo houve (ninguém o nega).

A questão é: deveria fazer mais e melhor com os meios de que dispõe? Eu penso que sim.

A época passada foi boa, concordo contigo. Mas ficaram duas muito fracas para trás. E esta é o que se tem visto.

JJ não se pode queixar de nada. Teve tudo, menos alguma protecção. Mas ele é vítima de si mesmo: um ego indomável, uma crença desmedida nas suas capacidades (não trabalha em clubes que tenham uma estrutura forte, diz ele).

Mesmo no ano passado, no jogo mais decisivo do campeonato (não, não foi o do Dragão), foi incapaz de vencer o jogo. Foi aí que se perdeu o campeonato.

Obviamente que este Benfica merecia mais. Por isso mesmo a culpa principal é de LFV. E por isso mesmo defendo a demissão dos dois, mas sempre em primeiro lugar a do presidente.

Continuo a achar que não seremos campeões de forma sustentada com LFV. Seja com Jesus, com Mourinho, com Marco Silva.

O caminho da renovação não existe. Vamos ter de gramar com ele.

Por isso, continuaremos a sofrer com as derrotas e a acreditar em milagres.

Mas é muito difícil defender o actual estado de coisas.

E quando vês os Tasqueiros a fazer comentários lúcidos e certeiros, maior é a certeza de que estamos no caminho errado.

Mr. Shankly disse...

"Shankly, não discordando de ti"

Mas é que não discordas mesmo :). Defendo o Jesus nas épocas anteriores e acho que não foi por ele que não ganhámos. Mas nesta época, se a equipa não rende (e por uma vez Vieira tem razão, o plantel disponível é fortíssimo, mesmo com a lesão do Salvio), a culpa só pode ser dele. Se os jogadores estão desmotivados, motivasse-os. Se não têm pernas, tivesse-as dado. Se a táctica é errada, fosse a certa.

Fui a favor da renovação no ano passado, mas agora parece-me óbvio que foi um erro. Tal como fui a favor da renovação com o Quique, e estava errado. Eu estou errado muitas vezes, e acho que isso é normal. O que é incrível é haver tanta gente que acha que acerta sempre. Pior, às vezes as opiniões dos adeptos transformam-se numa "self fulfilling prophecy". Por isso é que é tão difícil trabalhar num clube grande.

Pedro disse...

É pá, deixem-se disso, a época passada não foi nada boa, foi um desastre completo. Miserável.

Shankly, mas quais "uns jogos maus"? São muitos jogos maus. E são uma ineficácia TOTAL perante adversários de maior valia. Sempre. Jesus falha sempre. E ao longo destes anos todos tenho-me repetido nessas críticas e apontado, sistemáticamente, os mesmos erros. Estejamos a ser rolos compressores ou com exibições como as do último fim de semana. Isso do 8 ou 80 não é para mim.

JJ é incompetente. E isso é um facto.

Jesus nunca seria o maior se Kelvin falha pq as críticas que fiz a JJ foram antes do remate de Kelvin. Dei toda a tolerância aos erros de JJ na primeira época pq acreditava, como qqr um, que ele ía aprender com os erros, ía evoluir como qqr um profissional inteligente. JJ não sou não evoluíu como piorou.

Como o Luis refere NADA lhe faltou, nada. A estrutura do SLB tem muitas falhas mas não podemos acusar de não dar a JJ matéria prima como mais nenhum outro treinador teve. E JJ apanhou um contexto onde apenas o fcp era o rival e estava a atravessar uma fase menos boa e mesmo assim não conseguiu vencer. Apesar de ter o titulo duas vezes na mão. Apesar de ir apanhar um Villas Boas quase em pânico pela pré época feita. E em todas as vezes JJ deu de bandeja o ouro ao inimigo.

Nuno Dias disse...

Pedro, a fase menos boa do fcp que te referes foi no ano do título? É que nas 3 épocas seguintes perderam 1(!) jogo no campeonato e ganharam uma competição europeia. Eu também gostava de ter essas fases menos boa. Relativamente ao JJ concordo em absoluto com a opinião do Mr. Shankly.

Nuno Dias disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pedro disse...

Perderam apenas um jogo pq JJ não lhes conseguiu ganhar uma única vez.

I rest my case...

Nuno Dias disse...

Não vejo qualquer relação entre isso é dizeres que foi uma fase menos boa.

Nuno Dias disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Tasqueiro Ultra-Copos disse...

de referir que um treinador como o Jesus nem 1 ano no Porto durava, era logo corrido, quanto mais 5. lembra-me por exemplo o Co Adrianse com a sua teimosia e tática de 3 centrais que teimava usar apesar dos resultados de merda que tinha e que ao fim de uns tempos levou um chuto no cu.

Jorge Borges disse...

O asno volta a atacar:
JJ nem um ano durava no Porto, para depois exemplificar com Co Adriaanse. O holand~es fez uma época inteira e ainda fez a pré-epoca seguinte.
Vale tudo, principalmente mentir, para fundamentar a opinião.
Engraçado que quando comentam, escolhem selectivamente os posts...

Pedro disse...

Nuno, é uma fase menos boa pq o fcp jogava mal, o vítor pereira mostrava sérias debilidades ao ponto de apesar de ser bi campeão nunca ter agradado aos portistas e a pinto da costa. O fcp mantinha-se lá em cima da mesma forma que o SLB se mantinha, a concorrência era miserável e só a disputa entre os dois era realmente competição.

O SLB consegue nos dois anos de VP ter vantagem pontual fruto do seu plantel e da fase menos boa do fcp. E mesmo assim JJ consegue perder com eles.

Com AVB é só recordar o contexto da pré época para perceber que o fcp continuava numa péssima fase e foi aquela supertaça oferecida, mais uma vez, por JJ, que lhes permitiu dar o salto.

É isto que os benfiquistas não percebem. O que aconteceu nestes quatro anos dificilmente voltará a acontecer: um SLB com um plantel fabuloso, apenas um adversário digno desse nome, e treinadores do fcp com fortes limitações e, inclusivê, vantagens pontuais folgadas. Tudo isto foi desperdiçado. E muito por culpa de erros de JJ. Já os enumerei milhentas vezes...

Mr. Shankly disse...

"de referir que um treinador como o Jesus nem 1 ano no Porto durava"

Durava, durava. Queres saber porquê? Porque no Porto o Luisão não ia marcara um golo fora-de-jogo. E não empatava com o Belenenses, mesmo jogando mal.

Tasqueiro Ultra-Copos disse...

o Porto empatou com o estoril da maneira que toda a gente viu, ou pelo menos os que quiseram ver. ambos foram ajudados como prejudicados, a diferença é que um joga mal e o outro joga muito mal, e já não é de agora já vem da época anterior. Pior cego é aquele que não quer ver.