segunda-feira, janeiro 17

José "Gaffe" Bettencourt

Não sou daqueles que vêm no JEB a causa de todos os males do clube. Reconheço certos méritos, que apesar de não serem tão vísiveis (lançou o projecto do pavilhão, organizou a casa financeiramente), contribuiram para um melhor clube.
No entanto, o barômetro Futebol não perdoa a ninguém. E aqui Bettencourt foi simplesmente desastroso. É fácil hoje em dia perceber porquê. Quando se parte para um desafio com tantas dúvidas e incertezas, e pior, com tão pouca auto-confiança na pasta futebol, não se pode ir muito longe. Daí o Paulo Bento forever e quando este não deu, foi rapidamente buscar das poucas pessoas que naquela altura eram incontestáveis para os sportinguistas. Não o soube enquadar e ficou sozinho de novo. Procurou-se então um "protegido" do que dizem ser o melhor empresário do mundo. Foi como dar caviar, a quem em toda a vida distribuia fruta(literalmente). E cedo se viu a excelência deste agora dirigente. Quando se viu que era demasiado para Costinha, foi buscar Couceiro. Ninguém percebeu muito bem a jogada. Se calhar nem JEB, já desorientado e com poucas ideias do que fazer no futuro.
Por fim, a "gaffe" final. Escolher um jogo onde outros aproveitariam para fazer boicotes ou apelos e sugerências conspiratórias aos adeptos (medidas bastante eficazes, como se viu),para se dimitir é algo que mostra a desorientação de José Eduardo Bettencourt.
Eu acredito no clube, e acho que não é preciso tanta coisa como muitos dizem para chegar ao topo.Um treinador em condições, um Hulk ou Falcão e uma efectiva política de formação.

25 comentários:

LMGM disse...

João, podes dizer-me quais são os erros que apontas a Costinha?

P.S.- Não estou a ser irónico, estou mesmo interessado em saber.

jamsilva disse...

"Um treinador em condições, um Hulk ou Falcão e uma efectiva política de formação."

Parece fácil....

LMGM disse...

jamsilva, só considero dificil a parte relativa ao avançado, a primeira condição é fácil, a última já existe.

pedro m disse...

"distribuia fruta(literalmente)", em Portugal não chega o "literalmente", tens de especificar melhor.

Não vá acontecer, algumas mentes mais preversas (tipo a minha) associarem isto á "gestão á Porto".

J. disse...

LMGM, o caso Izmailov é um erro do principio ao fim.Depois pelo que se diz, AVB já estava meio apalavrado e foi-se buscar este Paulo Sérgio, que é o que todos nós sabemos. Depois contratou o óbvio, mas caro(nada a apontar aqui) e ainda foi buscar o amigo de sempre por muitos milhões ao fim do mês.Acertou no Valdés apenas. O que é de facto pouco!!!

J. disse...

Pedro M, terem um ex-capitãoou subcapitao daquele Porto onde se retirou 4 pontos devido ao que todos sabemos,e contrata-lo como dirigente máximo do futebol do Sporting é já a demonstração de algum desnorte.

jamsilva disse...

lmgm,
quem contratarias agora como treinador?

Os treinadores porreiros nao sao assim tao abundantes... digo eu.

LMGM disse...

João o caso Izmailov é um erro tripartido, com vários actores com responsabilidades, qualquer deles teve possibilidades de minorar o problema e nunca utilizou essa capacidade. Acho um erro culpabilizar em exclusivo Costinha por esse processo russo.

AVB também não seria a minha escolha, seria trucidado em Alvalade, p.ex.- ainda hoje se ouve dizer que PB mandou os Sportinguistas para o cinema, imagina agora isto dito por um puto ruivo com mau perder. Aquilo que tenho a certeza é que a hipótese Paulo Sérgio nem chegava a ser discutida. Erro crasso sem dúvidas.

Sobre as compras acertou e errou como todos, podia discutir se acho bem um monopólio a um empresário (não acho) mas a tomar essa opção pelo menos escolheu o melhor.

Nunca o vi como "senhor todo poderoso do futebol", mas sim como o elemento próximo da equipa que lida com os problemas diários seja a insatisfação do Liedson, a vontade de sair do D'jálo, a procura de casa para o Zapater, a picardia entre o João Pereira e o Grimi, esse trabalho de blindar aquilo que se passa no seio do grupo e do balneário está feito e bem feito, imagina aquilo que seria A Bola de domingo nos tempos do Barbosa ou do Carlos Freitas, um relato pormenorizado de como o balneário reagiu à demissão do Presidente. Até agora nada, silêncio e eu concordo em absoluto.

Esse trabalho de criação de laços de solidariedade entre jogadores e defesa do grupo está a ser bem feito e não se faz com clicks é construído e demora tempo nomeadamente num grupo que está habituado a bufos. Será uma pena se acabar por causa... sei lá por causa de quê, olha é o Sporting...

LMGM disse...

jamsilva, agora não comprava ninguém :)))) e felizmente que não tenho essa responsabilidade. Caso PS pedisse a demissão colocaria um treinador interino (Lima p.ex.) da Academia e apresentava um contrato para assinatura imediata ao Domingos para a próxima época, em caso de recusa era carta fora do baralho "forever".

Resolvida essa dúvida, sempre um estrangeiro, Bielsa é uma paixão pessoal desde o Mundial, mas eventualmente dadas as circunstâncias para o imediato (próximo ano) um louco com um futebol alegre e desinibido (mesmo que ineficaz). A questão a resolver era se apostaria em dar algum amor próprio aos adeptos no imediato, com um treinador ofensivo (mesmo que a prazo), ou se apostava já num treinador consistente para 3/4 épocas.

Mas a decisão não seria nunca rápida, a época está perdida de qualquer maneira, só é útil pensar no futuro e explicar bem aos sócios o porquê das opções tomadas.

J. disse...

Vamos lá ver, conceptualmente, Costinha nunca deveria estar em Alvalade menos ainda como único dirigente para o futebol. Pelo passado que tem obviamente, ou então a abdicar dos nossos principios, que fosse para buscar uma mais valia comprovada. Nada disso tinha Costinha. Por onde passou, foi jogador á FCP durante alguns anos, arrastou alguns casos de indisciplina por onde passou (At.Madrid/Din.Moscovo) e não tinha qualquer experiência no cargo que iria ocupar em Alvalade. Só faria sentido se fosse numa estratégia de parceria com Jorge Mendes onde o Sporting tivesse prioridade em certos negócios.Nada disso como vimos aconteceu. Logo Costinha não faz sentido nenhum.
Prefiro um Litos,Paulo Sousa, Oceano, Carlos Xavier, etc...

LMGM disse...

João, discordo, era a escolha que faria perante o estado em que estavamos na altura. O perfil que tracei na minha cabeça foi, Sportinguista, experiência internacional, que tenha participado em grupos que venceram competições, que não tenha qualquer conhecimento sobre a estrutura existente em Alvalade quer dirigente, quer funcionários. Costinha acentou como uma luva e dentro daquilo que imaginava serem as suas funções tem desempenhado satisfatoriamente o cargo.

P.S.- Pensava também em alguém acima dele já com bagagem de dirigente para assumir as funções entregues agora a Couceiro. A minha aposta na altura (e hoje) seria Diogo Matos.

J. disse...

Pá, quem é esse Diogo Matos?

Continuando com este one to one, e se formos nessa perspectiva poderias também ter um Fernando Couto, um Jorge Costa, um Rui Costa, etc...
Isso de ser sportinguista tem muito que se lhe diga. Há que ter mais autoestima e mais respeito pelo clube. Por mim, Caneira, João Pereira, Maniche nunca vestiriam a camisola do clube. Assim como Costinha.

LMGM disse...

Diogo Matos é o nosso antigo médio (também jogou no Alverca) e é o responsavel pelo franchising nacional e internacional da Academia Sporting.

Concordo com Caneira e João Pereira, nada contra Maniche e Costinha (sendo que para jogador provavelmente não trazia nenhum deles).

"se formos nessa perspectiva poderias também ter um Fernando Couto, um Jorge Costa, um Rui Costa, etc..." para estar junto do plantel, no balneario, tem obrigatoriamente de ser Sportinguista.

LMGM disse...

Este, http://www.forumscp.com/wiki/index.php?title=Diogo_Matos

Anónimo disse...

LMGM:

E mandar calar um ex-presidente? è isso necessário para 'protecção' do grupo? Costinha falha pq, utilizando agora uma expressão mt em voga, é um tiranete. Pode resultar com alguns e durante algum tempo... Mas será sp uma bombra prestes a explodir.

LMGM disse...

Anónimo, fica aqui o que escrevi sobre esse assunto nessa altura.

"Não tem ponta por onde se lhe pegue...

Ao contrário da opinião da grande maioria dos blogs que leio, acho que Costinha está a fazer um bom trabalho. Para este caso isso não interessa para nada.

Costinha não tem de mandar postas de pescada armado em galifão, tem de com o seu trabalho demonstrar que é capaz de construir algo melhor do que no tempo de Cintra. O recurso à chantagem é baixo e reles, não vi ninguém a segurar a mão dele para não mostrar o que quer que seja.

Tem um papel? Então embrulha e leva para casa já que era teu dever como Sportinguista, caso se trate de algum assunto grave que tenha lesado o Sporting de ter feito a sua denuncia atempada. Se não o fizeste és um mero cumplice conivente com qualquer que seja o assunto que está no papel.

P.S.- Se calhar o papel é uma cópia do cheque de 150 mil contos com que Sousa Cintra resgatou o Sporting da bancarrota a dizer que não tem cobertura... Deixa lá, isso já eu sei, não tinha esse mas tinham outros e o Sporting não fechou portas nesses tempos.

P.S.2- Se calhar é o papel com os juros que Sousa Cintra cobrou pelo dinheiro que colocou/emprestou no Sporting... Deixa lá, é por isso que concordo com um Presidente remunerado, pelo menos sei à partida quanto lhe vou pagar, enquanto que aos mecenas é quanto eles quiserem cobrar no final.

P.S.3 - Mete-te no teu trabalho que tens muito por onde te coçar!"

Acrescento que não acredito em santos ou em pessoas isentas de erros. Erra, leva nos cornos e aprende.

Lucifer disse...

E alguem arranja a parte do programa 'O Dia Seguinte' de hoje, onde o dias ferreira diz: "Se não fosse o 25 de Abril o sporting tinha disparado"?
E depois o Benfica é que era o clube do regime. Ve-se! Depois do 25 de Abril o Sporting foi o unico a AFUNDAR!

Peyroteo disse...

J., já devias saber que os jogadores quando passam a dirigentes ou treinadores adicionam o apelido! É aquele beto que passou muitos anos no Alverca: Diogo Maria.

Quanto ao Maniche, só pode ser embirração tua. Sempre que o homem sai, a equipa perde o norte.

Pedro disse...

J. o Hulk no Sporting seria mais um como os outros q por lá andam. O Falcao custa muito dinheiro que o Sporting não me parece ter para poder gastar e um bom treinador ou é caro ou é um achado.

@leo@ disse...

"Quanto ao Maniche, só pode ser embirração tua. Sempre que o homem sai, a equipa perde o norte."

Perde por que o treinador não sabe mexer na equipa e não pela qualidade do jogador, que tem feito jogo péssimos, ainda no ultimo foi o que se viu.

Peyroteo disse...

Epá, na 1a parte só estiveram dois jogadores em campo: Maniche e valdes.

J. disse...

Então Pedro se calhar é melhor fechar as portas do clube, nao!?

O Maniche foi o pior em campo contra o Paços. Até o Zapater em 10min de jogo jogou melhor que ele.

Peyroteo disse...

Não deves saber identificar o Maniche em campo :)
Houve quem tivesse visto o mesmo que eu.
http://jogodirecto.blogspot.com/2011/01/sporting-pacos-analise-e-numeros.html

Pedro disse...

"Então Pedro se calhar é melhor fechar as portas do clube, nao!?"

Ou então reduzir as expectativas e optar por uma política mais realista, mais de acordo com as possibilidades financeiras do clube.

Filipe disse...

Não foi desastre nenhum, o homem nunca se preocupou com o futebol e foi engonhando só para se manter tempo suficiente para conseguir o que realmente queria. A altura em que se dá a saída é mais que suspeita.

O JEB veio dos bancos para o Sporting e sai mesmo antes da dar o Sporting aos bancos.