quarta-feira, julho 23

Lopetegui inova com táctica surpreendente

Acabo de ver confirmada a contratação do Brahimi, médio ofensivo argelino de grande qualidade, pelo menos no youtube. Verifico que Quintero regressou de férias e que Oliver Torres também por lá anda, emprestado, sem opção de compra. Não digo que seja táctica para começar logo os jogos todos, mas quando já tivermos com 2 ou 3 golos de vantagem e precisarmos de segurar o jogo, podemos usar o figurino seguinte e é jogar à rabia até que o relógio chegue aos 90 e picos.


É só uma ideia e ainda tem uma vantagem adicional, permite fazer descansar os extremos, que são poucos, os médios defensivos e de transição, que são poucos e mesmo os laterais que, surpreendentemente, também são poucos. Os centrais ficam quietinhos para não estragar.

10 comentários:

luis disse...

É a táctica do Autuori: a táctica do pirilau!

Gonçalo disse...

mas com pézinhos de veludo lá pelo meio.

J. disse...

Dos centrais do Porto até á baliza adversária vai ser um sempre em frente até dar golo.

Gonçalo disse...

ou vice versa. pq os centrais do porto também são muito fortes a dar golos aos adversários.

J. disse...

Espera até aparecer aí o Marco a por ordem em tudo isso.
O Adrian joga nas alas, o Brahimi tb, e o Tello é um extremo á antiga.
Fica o Quintero a lutar contra o Oliver na posição 10, Herrera a 8 e Casemiro a 6.

Gonçalo disse...

vai ser um carrossel e não precisamos de defender grande coisa, porque vamos estar sempre a atacar. o problema é se não funciona.

Tasqueiro Ultra-Copos disse...

Essa táctica quem olhar bem para a foto parece uma seta apontada à baliza do Porto...

Gonçalo disse...

a táctica é simultaneamente do FCP e contra o FCP... já considera o contra-ataque

Marco Morais disse...

É cedo. Ainda não deu para ver nada (um jogo com transmissão é muito pouco). Gostei de algumas coisas, outras nem tanto. Pode sempre dizer-se que as coisas más irão ser treinadas, mas o que realmente retenho do post é a obrigatoriedade de os 'craques' terem de jogar todos juntos.

Não me parece que vá acontecer, nem que isso seja imperativo. O plantel é bom, falta apenas um central e um GR. O avançado estará dependente de Jackson - para as laterais há Opare e até Indi, assim como os da B.

De resto as dispensas confirmam que Josué não tem andamento para o FCP (bem me enganou ao princípio) e que Ghilas terá de ter competição e não ficar à espera de Jackson. Abdoulaye... bem, Abdoulaye é Abdoulaye. Já Helton não podia fazer o FCP refém da sua lesão para depois saltar para a baliza. Espero que o seu substituto tenha pelo menos um terço da sua qualidade (em GR's não há que fiar).

Gonçalo disse...

claro que é cedo e o post é mais a brincar que a sério. mas a verdade é que no ano passado nos queixavamos que o plantel era pouco equilibrado e este ano não me parece que se esteja a corrigir desequilibros. Está a entrar muita qualidade e estamos a arriscar muito menos nas contratações, investindo mais e jogado pelo seguro, mas será para os sitios certo?