sexta-feira, outubro 12

Rússia-Portugal.

Ao intervalo perdemos por um golo, num jogo em que a Selecção está a fazer uma boa exibição, com 63% de posse de bola e algumas oportunidades de golo (oito remates). O campo é complicadíssimo e os russos estão com tudo. Menos com cartões amarelos - incrível como o árbitro tem sido complacente com as entradas dos russos.

É pena Paulo Bento apostar em Rúben Micael, claramente um inapto e corpo estranho na equipa.

Boas prestações de Veloso, Nani e Moutinho. Temos de conseguir, pelo menos, empatar.

------------

Primeira derrota no grupo. Segunda parte menos objectiva, sem oportunidades de golo. A partir dos 65 minutos a equipa pareceu quebrar fisicamente e, contra onze bravos russos sempre atrás da linha da bola, não era fácil fazer melhor.

Esperemos pela recepção deste adversário para podermos espetar três ou quatro e repôr justiça neste confronto.

Penso que existem alguns jogadores a mais na Selecção. Micael é um deles, é muito fraquinho. O rapaz que entrou para o lugar de Coentrão, também.

9 comentários:

J. disse...

Olha que Ruben Micael está a fazer uma boa época no Braga.
Pena que o Carlos Martins não esteja a jogar no Benfica. Seria um jogador importante naquela posição.

Joao disse...

O rapaz que foi para o lugar do Coentrão é lateral direito...

O meio campo de Portugal não esteve bem, creio que com Pepe a médio defensivo, Miguel Veloso e Moutinho como médios a coisa pudesse ter sido diferente. Faz falta sobretudo um médio defensivo em condições (tipo Costinha) com Miguel Veloso a fazer o lugar de Meirelles...

Hugo disse...

Lesoes,golo sofrido cedo, campo em pessimo estado. Demasiadas contrariedades esta tarde.
Reagimos bem ao golo sofrido mas a meio da segunda parte dava para adivinhsr que o resultado ia ficar assim

JL Martins disse...

Portugal esteve melhor do que aquilo que eu esperava, e apesar disso as oportunidadesde golo foram escassas. Cá dá para rectificar este resultado, o que me preocupa é com os teoricamente mais fracos.

No texto, as considerações sobre os 2 jogadores soam a complexo de inferioridade.

ana disse...

Por acaso é uma das raras ocasiões em que estou de acordo com o arrogante cá do burgo. O Micael e o Lopes não deram uma para a caixa. O Lopes ainda tem desculpa porque jogou adaptado e porque deve andar fuckado com alguma coisa na vida, a avaliar pela t-shirt que levou para a concentração da selecção. Devia estar desconcentrado.

luis disse...

Joao, eu sei que o gajo é lateral direito. Mas pareceu-me bastante tosco na abordagem aos lances, independentemente de estar a actuar no lado oposto ao seu.

Naquele contexto, também acho que Pepe poderia ter avançado, retirando da equipa o Micael e dando outras funções a Veleoso que contudo, foi dos melhores em campo.

Hugo, foi também isso, claro. E do outro lado estava uma selecção de uma potência futebolística, orientada por um dos melhores treinador de sempre.

Além do mais, a disponibilidade dos russos para defender (eram 11 atrás do meio-campo) dificultou imenso o jogo de Portugal que não tem, de facto, um criativo que possa explorar melhor o jogo de Nani e companhia.

J. e Joao, relativamente a Micael: é um jogador sem inteligência. A forma como perdeu a bola e descompensou a equipa diz tudo sobre ele. De resto, é um gajo que tem aquela aura de criativo mas é dos que mais lateraliza o jogo. É só passe para o lado quando se exige dele passes de ruptura (que não sabe fazer em qualidade e quantidade para jogar na nossa Selecção).

Acredito que possa ser útil num Clube como o Braga (se bem que mesmo aí se tem destacado mais pelos dois ou três golos que marcou, do que pela influência no futebol da equipa) mas não tem condições para representar a nossa Selecção, em especial naquela posição.

J. disse...

Mas há alternativas?
Só vejo Carlos Martins para aquele lugar....e agora mesmo ou não joga, ou está lesionado.

luis disse...

O Joao avançou com uma delas. Não sei se vou ser engolido mas arrisco-me a dizer que o André Martins era preferível ao Micael.

Muito mais passe, infinitamente mais inteligência.

Hugo disse...

O Micael e fraco naquela posicao . Rende muito mais nas costas do avancado pois tem bom sentido de baliza