segunda-feira, julho 20

Êsporte Lisboa y Benfica

Estava aqui no meu passatempo favorito da pré-temporada, isto é, a fazer onzes e a comparar equipas e deparei-me com uma interessante realidade.
Quim, Maxi, Luisão, Sidnei, Schaffer, J.Garcia, Ramirez, Di Maria, Aimar, Saviola e Cardozo.
Um português no onze, não sei quantos mais no plantel.
O pessoal pode dizer, mas se calhar o Amorim rouba o lugar ao Garcia e o Coentrão ao Di Maria. Ou se calhar também o Moretto rouba o lugar ao Quim.
O que parece claro aqui é que cada vez menos há espaço para portugueses no plantel encarnado.
É um dado como outro qualquer. Também o Porto há muito que joga com poucos portugueses. O que interessa, dirão vocês, é ganhar. E há o Inter, o Arsenal, e não sei quem mais.
Estou já a adivinhar comentários aqui a dizer que esta conversa não interessa nada e o que deveria comentar era as exibições do meu Sporting. Ok, mas ainda assim, pareceu-me um dado interessante para partilhar com vocês.

2 comentários:

jccms disse...

Quase tao interessante como o facto do Liedson ser o proximo na seleção..
três brasileiros no onze de Portugal não se pode dissociar do facto de não haver português praticamente no onze de Benfica e Porto. Depois não se queixem...

Mário Rui Oliveira disse...

essa é que é essa !

ouço muitas virgenzinhas ofendidas por termos brasileiros na selecção, mas n os vejo tão ofendidos quendo os clubes deles ( principalmente o Carnide ) não têm sequer um português no 11 !

Uma palavra para o Sporting que na apresentação jogou na equipa principal com Petricio, Abel, Carriço, Caneira, Veloso, Moutinho, Pereirinha e Postiga ! 8 portugueses !