domingo, agosto 14

Jesus credo.



O SLB não foi capaz de aguentar uma vantagem de dois golos contra uma equipa que subiu este ano à primeira divisão e que trouxe praticamente todo o plantel da época passada. Uma autêntica vergonha que, dirigentes e treinador tentaram, sem pudor, deixar passar em claro.

Em Alvalade, uma entrada à Bynia que ficou sem cartão, disfarçou a tendência natural de Xistra que não assinalou um pénalti (penso que dava vermelho ao defesa da equipa algarvia) e anulou um golo legal ao SCP. É muita fruta para um jogo só mas ainda há quem insista que se deve falar apenas do jogo, dos golos e das tácticas. Para quê? Para se ser complacente com a constante adulteração dos resultados? Sportinguistas, podiam ter agora três pontinhos, mas não têm. Têm um e já estão a dois do enorme FCP que hoje venceu em Guimarães com um pénalti ridículo (uma "gravata", li em qualquer lado).

Tenho-me rido bastante com os "posts" do adepto portista mais conhecido dos blogues da bola. Ficou lixado com a venda do Roberto (que é um frangueiro ao nível do Nilson) e continua a tecer loas a tudo o que mexe vestido de azul e branco. Esta tirada é divinal: "Perder um troféu por causa de dois golos de Rolando parece estúpido, mas quando, numa dessas jogadas, logo no início do jogo, há aquele passe de Moutinho e aquele centro de Hulk, a explicação é mais fácil de encontrar." Uau. Há uns anos escreveu isto depois de uma derrota do Vitória: "(...) e o Benfica dedicou-se ao charuto, mesmo quando este foi executado com nota artística elevada, por Aimar, na jogada que deu o excelente golo de Suazo". Foi um charuto, como podem confirmar aqui. Circense.

6 comentários:

Leão Justiceiro disse...

Estás enganado. A entrada à bynia teve um cartão amarelo. Podes contestar a cor mas nisso o Xistra foi coerente, porque faltas dessas contra jogadores do Sporting houve pelo menos 3, com a mesma complacência na cor do cartão. Resta assim a nojeira do penalty por marcar e do golo anulado.

Mas não sejas triste e não venhas falar de complacência, porque essa história já mete nojo. A culpa da nojeira que é o futebol português está a norte, não está do outro lado da 2ª circular.

luis disse...

Ainda mais enganado estás tu. Estava a referir-me a mim próprio em relação à complacência (porque falo nos árbitros), não era nenhuma indirecta aos sportinguistas, era mesmo uma directa a quem insiste em não atribuir importância ao trabalho dos árbitros que constatemente aldrabam os resultados (como foi o caso do jogo de Alvalade). Aprende a interpretar porque foi isto que eu escrevi.

Visigordo disse...

Parece-me, Luís, é que andas a tomar as dores de outro blogger.
Ainda não deixei de considerar o blog do "adepto portista", um dos melhores, tal como o vosso.
Até lá ter aparecido aquele lixo que parece só querer entrar neste tipo de picardias, nas caixas de comentários ainda se discutia bola.

jamsilva disse...

cada um é julgado pelo que diz.....

luis disse...

Visigordo: neste contexto, as únicas dores que assumo são as causadas pelas derrotas e empates do meu clube.

Esse lixo de que falas tem a benção do gajo.

O resto, está no meu "post", para a malta se rir, apenas.

Pereirinha disse...

Factos:

o benfica empatou sendo que o primeiro golo é irregular;

o porto ganhou com 1 grande penalidade que só é grande penalidade, em Portugal, se esta suposta irregularidade for cometida por 1 jogador do porto;

o Sporting empatou com o olhanense ( 1 grande penalidade clara contra o olhanense que o xistra não quis ver associada a 1 golo do Sporting regular que foi anulado);

o porto tem 2 pontos de vantagem sobre os seus directos rivais.