quarta-feira, fevereiro 17

Sporting revisitado #8.

"O treinador adjunto de Jorge Jesus, em virtude de o técnico principal ter sido expulso, compareceu no flash interview e não poupou nas palavras contra Cosme Machado.

O Sporting mostrou novamente que tem equipa para disputar o jogo contra qualquer equipa, mas hoje teve que jogar contra duas. Isto foi uma autêntica vergonha da equipa de arbitragem. O árbitro tira a decisão do auxiliar, não marca um penálti, dá um amarelo ao Adrien que não se percebe. Foi uma autêntica vergonha, muito, muito, muito mau, criticou, em palavras à Sport TV."

Definição de arbitragem vergonhosa segundo Raúl José: num jogo de 90 minutos, o árbitro corrige acertadamente uma péssima decisão do seu fiscal de linha e dá um amarelo erradamente (algo nunca visto em futebol - e resta saber se foi de facto mal mostrado).

Isto num jogo em que o treinador Jorge Jesus puxou o braço ao fiscal de linha, numa tentativa clara de condicionamento.

12 comentários:

Peyroteo disse...

Luís, este post é um mega fail! ahhahahahaha

Fizeste comentários ao jogo com o Tondela quando o Raúl José está a falar do Sporting-Académica.

ahhahahahaha

Peyroteo disse...

Vou já postar por cima para te poupar a vergonhas :)

luis disse...

Aplica-se à Tondelada que houve em Alvalade (contra o Tondela), ou não protestaram por ter sido anulado a decisão de um penálti? (e dou de barato que houve um amarelo qualquer mal mostrado a um jogador do Sporting (não ao Adrien especificamente). Por isso, vai dar ao mesmo.

Num ano queixam-se do fiscal ter assinalado correctamente, no outro queixam-se pelo árbitro ter anulado uma má decisão do fiscal.

Peyroteo disse...

Epá colocas isto que não corresponde às palavras do Raúl José:

"num jogo de 90 minutos, o árbitro corrige acertadamente uma péssima decisão do seu fiscal de linha..."

e

"Isto num jogo em que o treinador Jorge Jesus puxou o braço ao fiscal de linha, numa tentativa clara de condicionamento."

Não foi o mesmo jogo, por isso não tem nada a ver. Não vai dar nada ao mesmo. Raúl José disse que a arbitragem do Sporting-Académica foi uma vergonha e disse bem.

luis disse...

E pronto, entraste em modo "não vou querer perceber". Have a nice day!

Peyroteo disse...

Mas tu fizeste o post a pensar que as declarações eram referentes ao jogo com o Tondela, certo? Foi um erro ou não?
É que as declarações de Raúl José, a definição de arbitragem vergonhosa que ele fez, referentes ao Sporting-Académica, tem toda a razão.
O post dá a entender que ele proferiu essas declarações após o Tondela-Sporting.

luis disse...

Acho que já te respondi a isso num comentário anterior.

A questão, contudo, mantém-se: quando o árbitro voltou atrás com a decisão de marcar penalti (numa boa decisão do fiscal) houve molhada em Alvalade.

Sobre esse jogo
Bruno de Carvalho: "Esta vergonha de hoje só nos vai dar mais força"
"Jorge Jesus queixa-se da arbitragem com o Tondela"

"
"Isto num jogo em que o treinador Jorge Jesus puxou o braço ao fiscal de linha, numa tentativa clara de condicionamento.""

Se não foi no mesmo, serve o propósito. O vosso treinador agarrou o braço do fiscal e não foi devidamente castigado.

Já sei, devia era ter partido o braço ao fiscal para o Sporting deixar de ser roubado...

Peyroteo disse...

O castigo veio no jogo seguinte, em que foi expulso não se percebe muito bem porquê.
O Sporting queixou-se mas não do lance do penalty não assinalado. Queixa-se do penalty assinalado contra e respectiva expulsão.
A molhada foi só no momento do penalty. E isso aconteceria com qualquer equipa. No final do jogo ninguém mencionou esse lance.

Ace-XXI disse...

Hahahaha! Aonde isto está a chegar...

luis disse...

Onde isto já chegou, Ace. E há tanto a vir. :) E ainda não entrei na boataria e na mentira.

Peyroteo disse...

Se tens tanta coisa para mostrar, ao menos apaga este Epic Fail :)

Ace-XXI disse...

Nem sei que te diga, o peyroteo já disse tudo.
Até podes ter muita coisa interessante para postar (para já começaste mal) mas este não tem ponta por onde se pegue.