sexta-feira, janeiro 18

Adeus A1M0R.

Parece que se confirma a saída do argentino. É uma pena e, na minha opinião, um desastre para o Clube. O futebol português não vai sentir a sua falta, por que o futebol português não entende o que significa ter este tipo de jogadores a participar nas suas competições.

Para o Benfica, esta decisão é penosa mas reveladora: Pablo Aimar é dispensável porque o Clube não tem identidade benfiquista (basta ver os dirigentes que o compõem).

Aimar, dentro do campo, é magia, paixão, magia, outra vez, sinceridade, honestidade, lealdade. Fora dele, é exactamente o mesmo. E isto devia valer, pelo menos, o valor do passe de um Balboa, por exemplo.

Mas não. Aimar vai ganhar "dólares" para o Dubai porque o Benfica não os tem. É mentira, isto. O Benfica tem "dólares". Muitos. O que não tem, é outra coisa.

27 comentários:

joaocorreia20798 disse...

Subscrevo que que aqui foi dito

zorg disse...

Não subscrevo, naturalmente.

O Aimar é um grande jogador, foi talvez o jogador que mais gostei de ver no Benfica desde que me lembro de ver futebol e tenho muita pena que vá embora. Mas o Benfica não dispensou o Aimar e, a acreditar no que tem vindo a ser dito na imprensa, até estaria interessado em garantir a sua continuidade.

Agora, o Benfica também tem um orçamento para gerir e os valores de que se fala na imprensa parecem-me incomportáveis. Não desejar a partida do Aimar é diferente de estar disposto a pagar qualquer preço para que fique.

Desejo-lhe as maiores felicidades e posso dizer sem medo de mentir que foi um enorme privilégio vê-lo jogar de águia ao peito.

luis disse...

Claro, Zorg, e o gajo que este ano surpreendeu a minha sobrinha vestido de Pai Natal não era eu.

zorg disse...

:)

Pulha Garcia disse...

Que exagero, Luís. O clube não tem identidade benfiquista? Porque um jogador de 34 anos sai para ir fazer o final de carreira a ganhar 4 milhões por ano numa temporada em que praticamente ao fim de 5 meses de competição nunca se apresentou em condições físicas?

Eu sou fã absoluto do Aimar mas penso ao contrário de ti. Obrigado LFV e Rui Costa por terem ido buscar o Aimar por 7,5 milhões e um enorme historial de lesões (na altura não faltou quem os criticasse ... e nem todos eram anti-Benfica).

Eu também preferia que o Aimar ficasse muitos anos mas a verdade é esta: qual é o rendimento que o Aimar tem tido esta temporada? E a equipa tem acusado a falta do mago? E o aspecto da folha salarial? (ou será que agora vamos dar uma de lagartos para quem as contas não são importantes?). Por muito que eu vá ao estádio para ver o brilho de Aimar - talvez o jogador com mais classe a passar no Benfica nos últimos 30 anos - a verdade é que o clube continua e o clube somos nós: os Benfiquistas. (de preferência aqueles que pagam bilhetes, camisolas e acompanham a equipa para onde vá)

Além disso, deixa-me que te diga uma coisa, Luís, concordo contigo em muitas análises futebolísticas mas devias começar por admitir algo simples: odeias LFV e odeias JJ. Eu faço-lhes críticas mas concordo com o seu trabalho e sei ver que demora a levantar um clube. É mais fácil um Vale e Azevedo, Damásio, JEB, Godinho etc do que alguém que construa para o futuro.

J. disse...

Epá,eu sempre achei o Aimar um delirio de muitos benfiquistas.
Obviamente que é bom jogador e que pelas próprias características que tem, é normal que encante muitos adeptos.
Mas Aimar actualmente já era uma espécie deste Eusébio de hoje. Ninguém sabe muito faz no clube, mas toda a gente bate palmas e grita "Benfica, Benfica" quando o vê.

J. disse...

Por 150 mil por mês acho um luxo dispensável para o Benfica....

Pedro disse...

Sou portista, mas não me custa admitir que quando Aimar entrou em campo no último clássico, foi quando o benfica equilibrou o jogo.

Existe um benfica antes de Aimar e um benfica depois de Aimar. Mais do que o jogador é o homem que a estrutura vai perder.

Luxo dispensável?

Luxo dispensável é ter 70 jogadores na folha salarial, quando 25 chegam e sobram.

Não me importava nada, de em Julho receber o Aimar no Porto.

Divã Leonino disse...

eu, sportinguista, me confesso:

se alguém, há mais de 10 anos, quando me apaixonei pelo jogo deste artista, me dissesse que o gajo iria alguma vez jogar por estas bandas, obviamente que seria insultado com algo mais do que "não percebes um caralho de bola, pá! alguma vez???".

não é perfeito, é apenas mágico. e é por causa destes mágicos, com a suas imperfeições, à semelhança do "que la chupen, y que la sigan chupando", que esta merda é linda.

parabéns slb por terem trazido o moço para dar uns toquezitos cá na terra.

Divã Leonino disse...

Para o Pedro, portista, que disse:

"quando Aimar entrou em campo no último clássico, foi quando o benfica equilibrou o jogo"

com a devida independência e natural curiosidade, posso perguntar em que é que consistiu o desequilíbrio até aí?

Pedro disse...

Luis, infelizmente, como se prova nesta caixa de comentários, muitos benfiquistas não percebem o quão errado é a dispensa de Aimar. Não conseguem perceber q o valor deste fabuloso jogador vai muito para além do que ele mostra no relvado.

Aimar é daqueles jogadores com o qual todos sonham jogar, todos desejam treinar, todos desejam conviver. É respeitado e admirado em todo o mundo e isso vale mais q 10 Balboas!!!!

E, pior, Aimar nunca quis saber dos dolares do Dubai ou de outro sítio qqr. Quem conhece Aimar sabe bem o quanto eles gosta de estar em Lisboa e, acima de tudo, do quanto a familia gosta de cá estar. Aimar sai do SLB pq o SLB quer que ele saía.

Se há jogador que percebe a realidade em que está inserido esse jogador é Pablo Aimar. Sabe perfeitamente se tem condições ou não para jogar e sabe bem quais os limites q o clube a q serve tem.

Se eu mandasse no SLB renovava já contrato com Aimar por mais três anos por metade do ordenado que aufere agora. Aposto q assinava na hora.

Jorge Borges disse...

Foi "só" o melhor qu vi jogar ao vivo...
E já vi muito...

Espero que regresse para fazer parte dos quadros.

Foi uma honra!

Luís Fiúza disse...

Foi de facto um privilégio vê -lo jogar, até porque cada vez era mais raro. Chegou naturalmente ao fim da linha, linha bem cara por sinal. Neste momento só servia o balneário. Como jogador foi do melhor, como pessoa sempre o será.

J. disse...

Mas há aspectos que se calhar, nos passam desapercebidos e que podem ter outra importância.
Até que ponto um jogadores destes pode servir para a integração e melhor aproveitamento de jovens jogadores que chegam á Luz e que têm como referência o jogador argentino?
Percebo também que a importância do argentino possa ir além daquilo que fazia já em campo, que era efectivamente muito pouco hoje em dia.
São opções de gestão...

Ginha disse...

Aimar ainda não saiu... Está tudo nas mãos dele, ou pelo menos, ontem estava...

Há muita coisa em cima da mesa! Vamos esperar...

Pedro disse...

Na posse Diva.

Equilibraram na posse.

Divã Leonino disse...

ahhh, na posse... estava a ver que tinha visto outro jogo.

SL

Pedro disse...

Muito provavelmente não viste nenhum.

Mas ok.

Saudações Leoninas para ti também. Bem precisas.

Iniesta de Mundet disse...

Há coisas que para mim sao uma aberraçao, uma delas é a saída de Aimar para o Dubai.

Aimar nao merece uma saida quase pela porta do cavalo a meio da época, sem uma despedida digna de toda a classe que demonstrou dentro e fora do campo.

Os adeptos nao merecem nao poder despedir-se de Aimar.

Aimar recuperado poderia acrescentar muito ao futebol do Benfica para esta 2ª metade da época.

Seja como for, obrigado por tudo Pablito.

Divã Leonino disse...

Pedro, obrigado pelas saudações, mas porque é que provavelmente não vi nenhum? Porque não vi o fcp esmagar o slb como vp tinha previsto?

SL, uma vez mais.

Pedro disse...

Claro Divã, claro.

Estamos a falar do Aimar. Não mudes agulhas, para conversas de tolos.

Mais uma achega.

Quem daqui comprava no velhinho CM a dupla Aimar-Saviola, quando custavam meia dúzia de tostões e jogavam no River?!

Tasqueiro Emigrante disse...

Eu acho que o Aimar neste momento não faz falta nenhuma ao Benfica...já fez mas agora não.

Os constantes problemas fisicos que tem tido levanta questões quanto á eficácia do departamento médico da luz.

Jorge Borges disse...

Fiúza:
O Aimar, mesmo jogando menos tempo, quando tem a bola nos pés é perfume. Acho que ia aparecer na 2ª parte da época, talvez a última ao mais alto nível.
Temos lá muita gente com qualidade bem pior, que joga tantas vezes ou menos que ele, e que na globalidade (dentro de campo, balneário e imagem do clube) faz muito menos falta. E falo, por exemplo, do Bruno César.

Hugo disse...

Pedro eu era um desses que comprava sempre a dupla Aimar/Saviola para o meu clube no CM

Divã Leonino disse...

Pedro,

se vires o histórico de comentários perceberás que inicialmente apenas vim aqui para falar de Aimar.

as "conversas de tolos" foste tu que iniciaste quando escreveste algo como "quando o benfica equilibrou o jogo"

se não queres contraditório deixa de escrever, pelo menos as "tolices"...

SL

Pedro disse...

Certo.

Acredita nisso, que ainda chegas ao 5 lugar.

Luís Fiúza disse...

Jorge, aparecer na segunda volta?
Depois de 15 minutos com os andrades lesionou-se nos gémeos e falhou os treinos seguintes. Se tu não és otimista quem será?!