domingo, maio 19

Um dia inesquecível no Estádio da Luz.

Quando deicidi ir ver o último jogo deste campeonato, confesso que não sabia bem o que esperar. Afinal, duas derrotas contra o FCP e Chelsea encostaram o Benfica e os seus adeptos às cordas.

Bom, "vamos agradecer aos jogadores", "vamos despedir-nos de Pablo Aimar", ou apenas "vamos à bola", qualquer desculpa havia de se arranjar, logo após o apito final.

O jogo foi complicado, especialmente tendo em conta o passado recente. Os jogadores do Benfica surgiram algo desconcentrados e o Moreirense muito bem organizado defensivamente. No final, contudo, venceu a melhor equipa, que na segunda metade fez uma boa exibição, marcando três golos (podiam ter sido seis).

O ambiente no estádio esteve sempre tranquilo. Em Paços de Ferreira o FCP venceria sempre e nem um lance escabroso (penálti e expulsão) demoveu os adeptos encarnados no apoio à sua equipa.

Sinceramente, nunca tinha visto isto, por cá. Muitas vezes falamos nos adeptos ingleses, que batem palmas à sua equipa derrotada mas hoje, no Estádio da Luz, além de 90 minutos de constante apoio, sobraram cinco maravilhosos minutos de palmas, com a equipa toda reunida no centro do terreno de jogo.

Foi dramático tudo isto que nos aconteceu. Mas vi na Luz uma verdadeira lição de desportivismo e de saber perder, mesmo que com um encolher de ombros perante a desonestidade que continua a distribuir títulos em Portugal.

Serviu também esta imagem que vos transmito, espero eu, para que o próprio Clube possa abraçar a génese das suas fundações: humildade, distinção, grandeza. Tudo junto, com a bola a rolar no meio de 22 pernas equipadas com meias encarnadas.

Excelente a conferência de imprensa de Jesus. Pena por não ver Aimar. A época ainda não terminou e apenas depois do Jamor se fazem os balanços. Até lá, apoiar estes jogadores que merecem tudo, porque tudo têm dado.

17 comentários:

Tasqueiro Emigrante disse...

Nao sei como e que uma conferencia de imprensa do Jesus e excelente quando nem da os parabens ao campeao.
JJ e um grande treinador mas e um arrogante de primeira.

LDP disse...

Então mas este não é um campeonato "sem mérito desportivo e sujinho"?

Como é que alguém pode dar os parabéns a isso, homem?

LG disse...

"sinceramente nunca tinha visto isto por cá"

O Jesus já o viu, quando equipava de azul, e não foi há muito tempo.
http://www.youtube.com/watch?v=zVxZ9k9d0PE

Antonio Silva disse...

mesmo que com um encolher de ombros perante a desonestidade que continua a distribuir títulos em Portugal.


E fala-me este gajo em saber perder.

Jorge Borges disse...

Silva,
eu até te podia dar os parabens, mas...

Só é importante para poderes dizer O Porto ganhou bem e até um benfiquista concorda.
(é uma adaptação muinha a um comentário teu uns post's mais abaixo).
Queres que te reconheçam aquilo que tu não podes (ou não te deixam) reconhecer aos outros.
Por isso é que da minha parte os únicos que aqui merecem os meus parabéns são o Marco e o Hugo.

rsa disse...

Pois ontem por aquele final valeu ir á Luz é pena não ser assim mais vezes....

Agora temos uma Taça para ganhar.

luis disse...

Toni, os benfiquistas agredidos por festejarem o título de 2005 e de 2010 nos Aliados mandam-te um paternal abraço.

Peyroteo disse...

Foi falta, e a expulsão é correcta. Agora, foi fora da área. Acredito que, em vantagem numérica, o Porto marcaria mais tarde ou mais cedo, mas é um erro grave.
Dito isto, o Benfica deixou escapar o campeonato muito por culpa própria. Teve tudo para evitar este drama final mas falhou e, nesse aspecto, deve analisar bem a situação.
A diferença aqui é que o Porto não falha...

luis disse...

Foi falta? Não me pareceu, pareceu-me que o Jamez tropeçou sozinho.

Pois não falha... lol

Peyroteo disse...

Acho que há ali um toque aos 1:17 deste vídeo http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=Oz1PJIOknf0#!

Pedro disse...

Quando o SLB perdeu em casa com o Galatasaray por 0-2 no tempo do Quique o público despediu-se da equipa com uma enorme ovação de pé.

Os adeptos do SLB são enormes no que ao apoio à equipa e clube diz respeito. Só lhes falta recuperar um pouco da exigência que tinham em tempos passados.

O Museu Cosme Damião não tem nenhuma taça de vitórias morais.

luis disse...

Não vejo toque nenhum, vejo apenas o gajo a tropeçar-se. Mas na dúvida percebo. Apita-se penálti e pronto.

Antonio Silva disse...

http://abload.de/img/festejos84j37.gif

Peyroteo disse...

Por detrás da baliza daria para tirar a dúvida mas parece-me mesmo que o Ricardo toca com o bico da bota no pé do James, o que seria suficiente para o desequilibrar. Mas o facto de ter sido fora da área é indesmentível e, sendo assim, há um erro grave. Se não existiu toque, passa a ser um erro enorme, pois penalizaria duplamente o Paços.

Pedro disse...

Não esquecer que o gajo que marca o penalty sobre o James é o mesmo que considerou falta de Aimar quando levou aquele pontapé dentro da área da Briosa.

Podemos e devemos falar disto. Espera...quando falamos nisto os benfiquistas criticam...não dá para perceber.

luis disse...

Toni,

http://www.youtube.com/watch?v=HWqKPWO5T4o

De nada. Antes isto assim do que amanhã o Cássio acordar com uma cabeça de cavalo ao lado.

Antonio Silva disse...

saber perder pois...