quarta-feira, junho 13

Grupo B: 2ª jornada.

A Alemanha venceu a Holanda por 2-1 e está praticamente nos quartos-de-final. As contas estão todas um pouco confusas, ainda, mas com seis pontos, os alemães estão no topo do grupo.

Depois da vitória de hoje sobre os dinamarqueses, Portugal ocupa a segunda posição. Quase todos os cenários são possíveis no final da próxima jornada: ou três equipas com seis pontos, ou três equipas com 3 pontos, são talvez os mais confusos, porque depois não sei bem qual o critério de desempate (estes cenários significam que as três equipas empatadas - ou com seis ou com três pontos - estão também empatadas nos confrontos directos).

Alemanha-Holanda
Os holandeses são, provavelmente, para já, a grande desilusão da prova. No primeiro jogo faltou pontaria mas hoje, contra uma Alemanha sempre competente, faltou colectivo, havendo apenas lances individuais. Ainda assim, os holandeses ameaçaram o empate, fruto da enorme classe individual dos seus jogadores. Os alemães mostraram por que são candidatos ao título e Gomez mandou mais duas batatas lá para dentro.

Portugal-Dinamarca
Penso que Paulo Bento definiu bem o jogo ao afirmar que a vitória foi justa, mas com um sofrimento desnecessário. Somos e fomos melhor equipa mas os dinamarqueses são um conjunto bem razoável tecnicamente e com um poderio físico impressionante. Bendtner é daqueles que nos poderia fazer falta mas, Postiga, com classe, deu razão a Paulo Bento com um magnífico golo, após excelente assistência de Nani, para mim o melhor em campo, ao lado do ponta-de-lança dinamarquês.

Gostei bastante de Veloso, de Pepe, Alves, Meireles (a espaços). Grande jogatana de Nani e de Moutinho (enorme). Ronaldo, Postiga, Oliveira, Patrício, Pereira e Coentrão estiveram num bom nível.

Muitos portugueses viraram, pela enésima vez, as suas farpas para Ronaldo. Confesso que não entendo esta mesquinhez em relação àquele que é um dos melhores de sempre a fazer aquilo que faz. Ronaldo já deixou várias páginas de sucesso escritas. Os que o criticam ferozmente, provavelmente, vão morrer sem que se escreva uma simples linha sobre eles. Pelo menos deveria haver algum decoro nesta conversa. Digo eu.

Mais uma vez, Ronaldo fez um jogo bastante razoável. Obviamente que falhou escandalosamente num lance, mas isso acontece. Mesmo ao melhor do mundo. O jogador que que há seis ou sete anos vive no topo do mundo, sempre a superar-se, sempre a ser o melhor, não merece tanto desdém dos tugas mal intencionados. Guardem o vosso fel para quem nos prejudica a sério, aqueles que vos vão ao bolso e vos saqueiam a dignidade.

"Se não marcar nenhum golo e a Seleção ganhar, assino por baixo", Ronaldo, após o jogo de hoje.

14 comentários:

Carlos disse...

"Muitos portugueses viraram, pela enésima vez, as suas farpas para Ronaldo. Confesso que não entendo esta mesquinhez em relação àquele que é um dos melhores de sempre a fazer aquilo que faz. Ronaldo já deixou várias páginas de sucesso escritas. Os que o criticam ferozmente, provavelmente, vão morrer sem que se escreva uma simples linha sobre eles. Pelo menos deveria haver algum decoro nesta conversa. Digo eu."

Comentário totalmente descabido face a mais uma patética exibição do CR7 na selecção.

Se ele, nos clubes por onde passou, realizasse exibições do nível que o vemos fazer na selecção, provavelmente não estaríamos sequer a falar nele.

luis disse...

Para compreender melhor a questão dos empates

http://www.record.xl.pt/Futebol/Internacional/euro2012/grupob_portugal/interior.aspx?content_id=761976

Virgílio disse...

Luis:

O CR é gde, disso ñ restam dúvidas e quem não admite é simplesmente parvo. Mas daí a dizer que ele hj fez um jogo razoável... CR não está isento de criticas e pelo menos na segunda parte que protagonizou HOJE, foi lamentável. Não me reporto apenas aos escandalosos golos falhados. Seria sp um escandalo, fosse qlq um dos categorizados avançados presentes nesta competição a falhar lances daqueles... Ainda mais para quem é o (ou um dos 2) melhores do mundo. Falo,tb pela falta de solidariedade a defender. Quantas vezes se viu Coentrão em palpos de aranha e a defender em inferioridade numérica? E pq? Pq o CR não se deu ao trabalho de defender. De ajudar nas tarefas defensivas. No outro flanco vi sp m Nani mt mais solidário e prestável para com JPereira. CR é capitão e tem q se sacrificar mais em prol da equipa. É a minha opinião. E, já agora e duma vez por todas, não ser ele a alimentar o constante duelo com Messi! Qual a razão das suas declarações de hj sobre Messi? Não fazem qlq sentido...

CR já mostrou a sua pior faceta, a seguir há-de mostrar td a sua categoria. Oxalá!


Abraço e viva PORTUGAL!

luis disse...

O Miguel Sousa Tavares disse há bocado que o Ronaldo "não sabe fintar". É deste tipo de coisas que falo. Parece não haver travão para o disparate, sempre que o assunto é o Ronaldo.

"Se ele, nos clubes por onde passou, realizasse exibições do nível que o vemos fazer na selecção, provavelmente não estaríamos sequer a falar nele."

Lindo argumento. Portanto, tirando TODA a carreira desportiva do rapaz, pouco ou nada tem para nos mostrar.

O que tu não entendes, assim como muitos, é que a selecção não é o Real Madrid, ou o MU. Aliás, com certeza saberás que o próprio Messi é criticado por não ter o mesmo rendimento na selecção.

Vocês não entendem o jogo, acham que um gajo como o Ronaldo é uma máquina (parece, mas não é) e que poderá sempre, em todos os jogos, marcar 5 golos.

O papel dele na selecção está sobrevalorizado e o único prejudicado é o próprio jogador. A quem tudo e mais alguma coisa se exige. Mas o que é que exige? Que faça sempre qualquer coisa que apenas depende dele.

Ronaldo é o sexto jogador com mais internacionalizações (86) e é o terceiro melhor marcador de sempre, com mais de 30 golos.

Coisa pouca.

luis disse...

"Falo,tb pela falta de solidariedade a defender. Quantas vezes se viu Coentrão em palpos de aranha e a defender em inferioridade numérica? E pq? Pq o CR não se deu ao trabalho de defender"

Não acredito que o Ronaldo não tivesse tido uma acção mais defensiva por vontade própria. Penso que isso é uma vontade do PB. A equipa não pode defender com os dois extremos e deixar o Postiga apenas lá na frente.

O Ronaldo é exímio em sair com a bola, contra dois e três adversários.

Mas mesmo assim, penso que no lance do primeiro golo, por exemplo, ele estava lá, a defender. Não é por aí, até porque será mais lógico ser um dos três do meio-campo a cair na zona do lateral.

Eu vi um jogo esforçado e dedicado, aliás, como sempre. O Ronaldo joga sempre no limite, e é por isso que está no topo desde sempre.

Mais, nos últimos minutos, ronaldo ainda tinha forças para fazer piques. Durante o jogo perdi-lhes a conta. É um gajo claramente que não sabe o que é estar parado e acho ingénuo pensares que o seu menor apoio defensivo passa por uma decisão dele.

Virgílio disse...

Luís:

Em parte nenhuma do meu comentário digo q o CR não se esforçou e não deu o seu melhor. O q digo é que jogou mal. Tb tem direito, ou ñ?

Agora é fácil apontar o dedo a PB… ou a um dos médios (Veloso deslocou-se n vezes a aopiar e ainda assim a desvantagem numérica mantinha-se...). Não vou entrar nessa discussão sobre a responsabilidade do flanco esquerdo de Portugal ter ficado à mercê do ataque do flanco dtº da Dinamarca. Não vale a pena: nem eu nem tu podemos saber que instruções deu PB a CR ou à restante equipa. O q é um FACTO é que as facilidades concedidas foram enormes de tal forma que foi precisamente por aí que a Dinamarca ameaçou constantemente e que nasceu o golo do empate. Ingénuo foi quem nc corrigiu essa mais-que-visível lacuna… Se PB se CR se outro qlq, nenhum de nós pode afirmar peremptoriamente.

Abraço.

Virgílio disse...

Outra coisa: o capitão da equipa vê o adversário atacar constantemente com perigo pelo seu flanco e ainda assim não ajuda o seu colega lateral só pq tem isntruções para apenas se preocupar em atacar? Nisto é que eu ñ acredito... Mais ainda qd está se ganhar o jogo, pelo que não se justifica atitude tão arriscada.

Allez Sporting disse...

outros que não entendem que a selecção não é o Real
http://desporto.publico.pt/Euro2012/noticia/imprensa-estrangeira-nao-poupa-ronaldo-1550216

Pedro disse...

O CR7 no Real farta-se de defender...ou o Messi no Barcelona...ui, é só cortes decisivos. Enfim..adiante.

Luis, hoje Portugal ganhou (bem) como podia ter perdido. A diferença de valia entre as duas selecções é muito pouca e resulta, essencialmente, de termos um CR7 e mais um ou dois que se destacam pq de resto estamos ao nível deles. Essa é a realidade. E tal como eles venceram uma vez, como a Grécia venceu uma vez tb nós podemos vencer uma vez mas sempre como outsiders. Não temos equipa para ombrear com Alemanha, Espanha ou Itália.

Felizmente a Holanda anda aos papeis e podemos aproveitar para fazer uma surpresa e passar aos quartos. Nada mau. ☺

J. disse...

A Alemanha e a Espanha podem estar a um nivel acima da nossa selecção.
Mas a Itália????
O certo é que em 2 jogos para o Europeu, perdemos mal um jogo e ganhamos á rasca outro.
Precisamos claramente de um terceiro jogo para tirar as dúvidas.

luis disse...

Pois de repente parece que o Ronaldo é defesa. Mas ao mesmo tempo queixam-se que defendemos em demasia e que recuamos.

Acho que se exige demasiado para tão pouco. Concordo contigo, Pedro.

Virgílio, eu não aponto o dedo a PB. Aliás, se é dele a decisão de deixar Ronaldo lá na frente, tem o meu apoio.

Carlos disse...

Até parece que a exigência ao CR7 surgiu agora.

Pode e deve exigir a quem pode e sabe dar muito mais do que aquilo que regularmente mostra ao serviço da selecção.
Não se exigia o mesmo a Figo e Rui Costa quando eles jogavam ? E correspondiam, nas suas equipas e na selecção.

luis disse...

Carlos, eu até acho que é o próprio Ronaldo o que exige mais dele próprio. Só assim se tem mantido no topo, todos os anos, a bater recordes.

O que eu critíco é a leviandade de muitas críticas que lhe são dirigidas, como o não se esforça ou falha golos.

No Real Madrid também os falha, mas a amioria desta malta só vê os resumos e fica com a ideia que o homem nunca falha.

Escrevo outra vez: Ronaldo é o terceiro melhor marcador de sempre da Selecção, atrás de Eusébio e Pauleta. Pelos visto não falha assim tanto.

Sem querer, acabas por tocar noutro ponto fundamental: refers Figo e Costa, duas estrelas, numa equipa onde outras havia, e quase todas do mesmo nível. A pressão diluía-se por vários jogadores. Essa exigência também era cobrada por vários jogadores.

Lembro-me bem da final do Euro 2004 e do jogo fraquinho que o Figo fez, por exemplo. E então?

Ronaldo está sozinho. Só se fala dele. E esta mediatização é ridícula porque a maioria dos adeptos da selecção não percebe nada de bola, nem sequer a costuma acompanhar. É malta de resumos e de Ronaldo. Só. Querem lá saber do Nani (que é o que está mais perto do Ronaldo, e mesmo assim, um bocado longe.

O que se exige ao CR não é o mesmo que se exigia ao Figo, não só porque o madeirense é melhor mas, especialmente, porque Figo não estava sozinho.

abç

Virgílio disse...

Luís,

No futebol actual tds atacam e tds defendem. TODOS! Mas ainda há quem acredite que os defesas apenas servem para defender e os avançados apenas atacam? Como diria o outro... E o ingénuo sou eu?...

Enfim, mas isto no fundo não passa de converseta sem gde sentido, pq o facto que realcei é indesmentível. A Dinamarca aproveitou bem a descompensação existente no flanco esquerdo de Portugal (o flanco por onde andava CR q sem bola nc se deu por ele...) O resto, como digo, é conversa para boi dormir (como dizem com piada os nossos irmãos zucas).