segunda-feira, janeiro 30

Sorte ou falta dela

A exibição miserável de ontem justifica de forma objectiva o resultado negativo de Barcelos, no entanto, houve mais qualquer coisa que fez com que o FCP perdesse pontos. Essa qualquer coisa, também fez com que o SLB saísse da Feira com a vitória. Eu chamo-lhe sorte ou falta dela.

Digo-o honestamente e sem ponta de cinismo. Acho que o FCP teve azar na forma como o arbitro decidiu, podiam ter sido bolas ao poste que a natureza aleatória do evento era igual, como também acho que o SLB teve sorte no auto-golo de Varela e no lance anulado ao Feirense. A vantagem de 5 pontos é justificada porque a equipa de vermelho tem sido, no computo geral, a mais competente e tem tido a sorte do jogo do seu lado. Não estou a retirar mérito às vitórias do Benfica, estou simplesmente a explorar um pouco de vista diferente, porque no limite a sorte merece-se e o Benfica tem feito por merece-la.

Antes que venham os comentários manhosos deixem-me reforçar que não escrevo sobre arbitragens. Da forma como eu vejo futebol as decisões que falo, por serem complicadas e tomadas na hora, estão sujeitas a erro e por vezes a forma como a decisão é tomada tem quase tanta intencionalidade como a bola que ressalta numa irregularidade do terreno ou o jogador que tropeça quando vai a rematar. Cada um terá a sua forma de ver a bola e os árbitros, esta é a minha.

Voltando ao jogo de ontem e à falta de empenho e qualidade do FCP tenho pouco a dizer. Fiquei triste e desiludido. Não percebo porque é que Maicon ainda anda a jogar a lateral, não percebo porque é que Helton não foi capitão, não percebo o esquema táctico no meio campo, não percebo porque é que Kleber se esconde do jogo, não percebo onde joga Defour, não percebo porque não joga Belluschi, não percebo muita coisa. As notícias que vêm nos jornais são estranhíssimas, desde empréstimos a regressos, espero que seja especulação e, no meio disto tudo, continua a falta um ponta-de-lança.

Ainda há muito para jogar e muitos pontos em cima da mesa. As próximas 5 jornadas vão decidir o futuro campeão nacional e a vitória na Luz tem que acontecer para que o título seja revalidado. Contudo, e isto não é agora, algo tem MESMO que mudar no reino do Dragão.

19 comentários:

Tasqueiro Emigrante disse...

O Gil Vicente mereceu ganhar, não pelo que fez porque foi muito pouco (33% de posse de bola é ridiculo contra os 67% do Porto) mas sim por ter aproveitado a fraquinha defesa de ontem. Passadeiras abertas que eu nunca vi. Foi 3 vezes à frente e marcou

O Porto não jogou nada e pior que isso os jogadores não corriam...nem queriam correr...estavam desanimados? Talvez pelo golo mal invalidado ao Feirense. "Maybe"!

E este foi o jogo!

Falando de outras coisas, que fizeram a diferença:

O ÀRBITRO! Sr. Bruno Paixão! Mais um adepto benfiquista (assumido pelo próprio)

Não se compreende como ainda continuam a colocar árbitros assumidamente benfiquista e alguns até mesmo sócios, a apitarem jogos do Porto! Isto só tem uma razão: -Segundas intenções.

Vitor Pereira ontem só esteve bem no flash-interview. Apesar de ser mau treinador defendeu o seu clube como devia e apontou o dedo com razão ao árbitro.

JOGAR MAL E AINDA POR CIMA SER ROUBADO É MAU DEMAIS

Penalti não assinalado sobre Defour - agressão na área colocou o jogador a sangrar. sem intenção? não interessa...eras penalti e vermelho!

1º Golo do Gil - nasce de uma falta inexistente e ainda nem sei quem a cometeu. Alvaro? Souza? Como é Sr. árbitro?

2º Golo do Gil - define a partida.penalti bem assinalado, mas? mais uma vez nasce de um cruzamento em offside. mesmo nas fuças do assistente. incrivel!

3º Golo do Gil - mais uma vez em fora-de jogo. estava a coçar o olho o auxiliar?

Posto isto depois da arbitragem de sábado e a de ontem já sabemos a razão de Luis Filipe Vieira andar tão calado e não falar em arbitragens como o ano passado falou.

Peyroteo disse...

O 3º golo foi à Pedro Barbosa

Gonçalo disse...

Porreiro, um copy paste do comentário que fizeste no outro post!

Tirando isto, onde é que ficamos? Se achas que o Gil mereceu ganhar para que a conversa toda?

Não acho que o resultado espelhe a superioridade do Gil. O resultado espelha acima de tudo a inépcia do FCP e a falta de imaginação da equipa. Que soluções tivemos no ataque? Quanto remates fizemos à baliza. Depois tivemos azar e o adversário aproveitou TODOS os momentos de infelicidade para marcar.

Gonçalo disse...

É um grande golo. Não se reparaste mas naquelas fintas a braçadeira de capitão trocou do braço esquerdo para o direito, assim como o rins...

@oel@ disse...

"JOGAR MAL E AINDA POR CIMA SER ROUBADO É MAU DEMAIS"

Mas não é regra quando se joga mal não se deve criticar os arbritos?

Ou esta regra e apenas para o Sporting?

Tasqueiro Emigrante disse...

"Mas não é regra quando se joga mal não se deve criticar os arbritos?"

Já lá vai o tempo do regime Salazarista em que as pessoas viviam na ditadura e tinham que ficar caladas, mesmo com as injustiças!

Filipe disse...

O Porto até nem jogou muito pior que noutros jogos da época. Não esteve tão mal como por exemplo na Taça com a Académica.

Teve imensa posse de bola e fez quinze remates, o suficiente para triunfar não fora a improbabilidade estatística do outro lado. O Gil fez 4 remates à baliza e marcou 3 golos.

Pedro Almeida disse...

Já podem assumir que o Vítor Pereira é um terrível erro de casting?
(mas as culpas não são inteiramente dele, a nível de gestão de plantel a época foi péssimamente planeada)

Gonçalo disse...

"Já podem assumir que o Vítor Pereira é um terrível erro de casting?"

Só falta a SAD assumir isso, de resto não acho que alguém acredito que a escolha foi a mais certa.

Tasqueiro Emigrante disse...

Claro que foi um erro...

Erro maior foi ter deixado o Domingos ir para o Sporting.

Francis disse...

"Não se reparaste mas naquelas fintas a braçadeira de capitão trocou do braço esquerdo para o direito, assim como o rins..." muito bom, mesmo à Pedro Barbosa...

LC disse...

Peyroteo,

não vi o jogo só o resumo e foi exactamente o que pensei no momento em que vi o golo.

Gonçalo, os lances duvidosos vi-os no resumo, não sei se lá estavam todos mas presumo que sim, do que vi o Porto tem razões de queixa, também já teve jogos em que ganhou por motivos inversos e nem vale a pena escalpelizar isto, na sua essência é geral a opinião que não jogaram nada e mereceram perder, não posso falar muito porque como disse só vi resumos, estava a trabalhar na hora do jogo e sem acesso a streams.

Continuando sobre a tua adenda ao jogo Feirense-Benfica, sou da opinião que ao não ter anulado o lance que podia dar o 1º golo do Feirense o lance da jogada seguinte não existiria, é que é exactamente na jogada seguinte após marcação da falta (existente)/fora de jogo (inexistente) que sucede a jogada que dá os 2 cantos.

Dando apenas como exemplo, viram a colocação do assistente no lance que dá o penalti ao Gil? Acham que era possivel assinalar o fora de jogo? Não, ele não vê, está um metro adiantado em relação ao jogador do Gil Vicente que está praticamente encostado à linha... isto é só um dos exemplos, culpa o Paixão por isto é ter má fé, por este e por muitos outros lances.

Gonçalo disse...

LC, tu leste o post?

LC disse...

sim, li, e percebi quando disseste que ves futebol de outra forma e que as decisoes tomadas na hora sao complicadas, li tudo, só falei de 1 lance do jogo na feira que é aquele que referes como exemplo e um outro que na TV vejo que é irregular mas nenhum dos 3 estarolas em Barcelos tem possibilidade de ver o que te dá toda a razão sobre as decisões na hora.

LC disse...

Perdoa-me mas sobre o futebol jogado não posso falar porque não vi o jogo, também fiz questão de o dizer antes.

Gonçalo disse...

ok, na boa :). Pensei que é que te tinha passado completamente ao lado o propósito do post, mas já vi que não.

LC disse...

Esta semana só vi o Benfica, aqui é 24/7 e mudamos de turnos ao Domingo, só deu para ver o Benfica este fim de semana.

Francisco disse...

Boa análise.

Acho que o campeonato vai decidir-se entre as jornadas 19 e 21. Passo a explicar. Nas jornadas 19 e 20, o Porto enfrenta fora o Setúbal (último classificado) e o Feirense em casa, enquanto o Benfica enfrenta o Guimarães e a Académica, ambos fora de casa. O calendário é teoricamente bem mais acessível para o Porto.

Se o Benfica deslizar em algum desses jogos e chegar à jornada 21 (confronto contra o Porto) com menos de 3 pontos de vantagem, acho que o Porto chegará mentalmente mais forte para o jogo e terá tudo para conseguir um bom resultado na Luz e ultrapassar o Benfica no que resta de campeonato. Mas, caso tal não aconteça e o Benfica chegue ao clássico com a atual vantagem (ou maior), conseguindo também pelo menos um empate contra o Porto, creio que dificilmente deixará escapar o título. Serão 3 jornadas verdadeiramente cruciais.

Peyroteo disse...

Então parece que o Porto sempre comprou um avançado. O austríaco Jancko que estava no Twente, mas penso que agora era suplente depois de ter marcado muitos golos na época passada.